TELECOM

NTT Docomo abre no Brasil

01/03/2013 11:39

Ação completa inserção do grupo no país, onde atua desde 2011 e em 2012 abriu a NTT Data, braço de TI.

Operadora japonesa abre no Brasil. Foto: Flickr.com/19338238@N05

Tamanho da fonte: -A+A

A operadora japonesa NTT Docomo estabeleceu uma subsidiária no Brasil, com investimento inicial de R$ 5,1 milhões.

O movimento completa a inserção do grupo no país, onde a atuação começou em 2011, ganhando força no fim de 2012, com a abertura em Curitiba de um centro de desenvolvimento da NTT Data, sua empresa de serviços de TI.

A nova unidade instalada localmente se chama Docomo Brasil Serviços de Telecomunicação e fica sob a presidência de Hiroaki Obuchi, somando apenas dois funcionários que vão atender a clientes corporativos de origem japonesa no país.

Já na NTT Data, o foco é o atendimento aos cerca de 50 clientes da empresa no país, alguns deles, contratos globais, como a montadora BMW, que no ano passado anunciou a construção da uma fábrica em Santa Catarina.

A unidade paranaense da companhia japonesa que no ano fiscal 2012 teve receita global de US$ 15 bilhões, sendo US$ 330 milhões no bloco que divulga incluindo Brasil, Austrália e Índia, soma-se às que a NTT Data já mantém nos escritórios de São Paulo e Rio.

Ao todo, a equipe local fica em torno de 800 colaboradores, com meta de dobrar em até dois anos.

A empresa japonesa desembarcou no Brasil em 2011, com a aquisição da italiana Value Team, então detentora de uma operação local receita de US$ 60 milhões e 600 empregados.

No começo de 2012, a companhia incorporou também a Total Systems, especializada no segmento financeiro e empregando 200 pessoas.

Conforme dados do Gartner, a NTT Data é a sexta maior do mundo em sua área de atuação, atrás de IBM, HP, Fujitsu, Accenture e CSC.

O investimento no Brasil faz parte da estratégia de expansão da NTT Data na América Latina, onde, conforme declarado pela empresa ao Valor, a meta é investir US$ 1 bilhão nos próximos anos.

Veja também

GLOBALMENTE
NTT Data fatura US$1 bilhão com SAP

Japonesa abriu no fim de 2012 um centro em Curitiba, para atender a clientes globais como BMW.

JAPONESA
NTT Data: 1º centro da AL em Curitiba

Operando há pouco mais de um ano no país, a empresa do grupo japonês NTT abre unidade para atendimento exclusivo ao mercado local.

Japonesa NTT leva Dimension Data

A Nippon Telegraph and Telephone Corporation (NTT), uma das maiores provedoras de telecom no mundo, vai comprar a empresa de serviços de TI Dimension Data por ? 2,1 bilhões, aproximadamente R$ 5,6 bilhões.

Em nota, o CEO da NTT, Satoshi Miura, reforça a aprovação da compra por unanimidade e acredita na criação de uma grande força na área de TIC.

SEGURANÇA
BeyondTrust abre no Brasil, de olho no Sul

Empresa de segurança da informação abre escritório em São Paulo e já larga com clientes como TIM, Itaú e, reforçando a mira no Sul, o Sicredi.

MARKETING TERCEIRIZADO
OUTMarketing abre no Brasil rumo a R$ 400 mil

Empresa de terceirização de marketing para TI abre no país para faturar em um ano quase a metade da receita global.

WI-FI
Aerohive abre no Brasil

Ex-comandante da Aruba na AL reforça estratégia da companhia para crescer no Brasil e países vizinhos.

Suíça Lodestone abre no Brasil e mira SAP

A Lodestone Management Consultants, consultoria suíça focada em gestão e transformação de negócios, abriu uma subsidiária no Brasil.

Com sede em São Paulo, a subsidiária local nasce com meta de empregar 30 consultores até dezembro, elevando a equipe para 200 em 2012.
 
A subsidiária, de onde a companhia vai atender a clientes de toda a América do Sul, será comandada por Frank Dorr e Cláudio Elsas.