Coworking na Faria Lima. Que tal? Foto: divulgação.

A Faria Lima, um dos endereços comerciais mais valorizados em São Paulo, acaba de ganhar uma opção de coworking de alto padrão.

O Espaço Conceito fez adaptações para o ecossistema local da ideia dos escritórios compartilhados, em alta nos últimos anos: sai o visual descolado e entre o traje social como padrão.

“Queremos que os executivos se sintam à vontade ao trazer seus clientes para um espaço, aonde prevaleça uma atmosfera corporativa. Somos o coworking high-tech e com terno e gravata de São Paulo” afirma Marcelo Ribeiro, um dos sócios do empreendimento.

Ribeiro e Gustavo Almeida, outro sócio do local, foram os responsáveis pela instalação no Brasil da gigante australiana de serviços para a área de energia WorleyParsons no Brasil, sendo responsáveis pela infra de TI.

O investimento na montagem do local foi de R$ 300 mil. Entre os serviços oferecidos estão co-location de servidores, telefonia IP, configuração de URAs e desenvolvimento de sistemas, como CRM.
 
Os valores ficam entre R$ 1,2 mil e R$ 2,5 mil por mês e variam conforme a quantidade de horas e serviços contratados. Até agora 13 clientes estão usando o local.

Além de oferecer uma versão corporativa para a febre do coworking, os empresários podem capitalizar na alta dos custos de aluguel tradicional em São Paulo.

Entre 2006 e 2011, os valores médios praticados na cidade mais que dobraram, atingindo R$ 118,5 o metro quadrado/mês. Na região da Faria Lima, os valores dos escritório de primeira linha chegam a R$ 200.