Orange investe em piloto de SDN. Foto: divulgação.

A Orange Business Services, divisão da operadora europeia Orange, anunciou esta semana um piloto de redes definidas por software (SDN) para pequenas e médias empresas.

O piloto será oferecido inicialmente na França e contará também com serviçes de virtualização de funções de rede (NFV). O plano das empresas com a nova oferta é de criar alternativas para virtualizar redes de ponta a ponta, simplificar as operações e configurações, além de automatizar a gestão.

"A inteligência de rede, inicialmente apoiada por componentes de hardware (roteadores, firewalls, etc.), agora é virtualizada por meio de uma plataforma de software NFV. Esta abordagem assegura monitoramento de rede via controlador SDN, gerenciando a priorização de fluxo de dados e roteamento", destacou a empresa em nota.

Conforme explicou a operadora, a plataforma também fornece aos gerentes de rede uma interface digital centralizada, que pode ser acessada a partir de smartphones, executando rapidamente e de maneira simples uma reconfiguração da rede.

A partir de abril, cerca de dez PMEs (com até dez sites) vão testar por um ano, esta oferta 100% digital plug-and-play do SDN, incluindo implantação de uma rede corporativa privada e segura. As empresas piloto vão receber serviços de suporte avançados da equipe dos projetos.

O feedback do projeto vai ser utilizado para ajustar o posicionamento e as funcionalidades da solução que será lançada comercialmente em 2016.

"O SDN está entre as principais prioridades do Grupo Orange na definição da sua estratégia de evolução de rede", afirmou a empresa em nota.

A Orange é uma das operadoras líderes mundiais em telecomunicação, com vendas anuais de €39 bilhões em 2014 e 156 mil funcionários no mundo (31 de dezembro de 2014).