CÓDIGOS

Stone promove evento digital sobre Elixir

01/10/2020 09:41

Empresa de pagamentos promove a versão brasileira do Code Beam.

José Valim.

Tamanho da fonte: -A+A

A Stone está organizando uma versão brasileira do Code BEAM, um dos principais eventos mundiais sobre Erlang, Elixir e outras tecnologias não convencionais relacionadas a plataforma BEAM, nos dias 6 e 7 de novembro, das 9h às 13h. 

A chave do assunto é a linguagem Elixir, criada pelo brasileiro José Valim em cima do Erlang, uma linguagem criada pela Ericsson para usos no setor de telecomunicações ainda nos anos 90.

O Elixir é usado em aplicações distribuídas e está em alta em empresas de fintech, como a Stone, ou o Nubank, que no começo do ano inclusive comprou a Plataformatec, empresa de Valim.

Popularizada entre as empresas do Vale do Silício, a tecnologia  permite a construção de plataformas digitais para suportar o tráfego de milhares de dados em uma curta escala de tempo. 

Com a maioria das palestras em português, o encontro reunirá um público majoritariamente brasileiro e empresas com atuação no país. 

Entre os palestrantes, estão desenvolvedores de renome mundiais nas linguagens como a brasileira especialista em BEAM, Charlotte Lorelei, e o criador da linguagem Erlang, Robert Virding, além do próprio José Valim. 

O primeiro lote de ingressos já está à venda por R$ 40.

Veja também

ACQUI-HIRING
Nubank adquire Plataformatec

Objetivo é absorver mão de obra da empresa de engenharia de software.

STARTUP
Liga Ventures investe na SourceLevel

A empresa é uma spin-off da Plataformatec, empresa de José Valim, criador da linguagem de programação Elixir.

FINTECH
Bcredi adota linguagem Elixir

Criada pelo brasileiro José Valim, a linguagem de código aberto é utiliza por Pinterest e WhatsApp.

ELIXIR
Linguagem de brasileiro chega a GoPro e Zappos

A Elixir, criada por José Valim, foi escolhida para trabalhos de empresas como Pinterest, GoPro e Zappos.

FORMAÇÃO
Santander oferece 480 bolsas para programação

Programa tem cursos para Java e mobile. RH do banco vai selecionar participantes que se destacarem.

IA
Intel abre código do NGraph

O NGraph Compiler é compatível com três dispositivos computacionais de aprendizagem profunda e seis frameworks de aprendizagem profunda de terceiros.