Thiago Marques, analista de segurança da Kaspersky Lab. Foto: Divulgação.

A Kaspersky Lab está reforçando a atuação da sua Equipe Global de Investigadores e Análises (GReAT, na sigla em inglês) no Brasil com a contratação de Thiago Marques para o cargo de analista de segurança. 

Marques atuou por quatro anos na PSafe. Na companhia focada em mobile, ele foi pesquisador sênior, analisando ameaças para as plataformas Windows e Android e dirigindo o laboratório de malware.

Antes, Marques trabalhou na Gas Tecnologia, utilizando a engenharia reversa para mapear atividades maliciosas para suportar o desenvolvimento de produto de segurança.

Na Kaspersky, sua principal responsabilidade será a análise de códigos maliciosos nacionais por meio de engenharia reversa avançada, visando entender as novas ferramentas e táticas dos cibercriminosos. 

O objetivo deste trabalho é aprimorar a detecção dos produtos da empresa e suportar a oferta dos recém-lançados serviços de inteligência. 

Marques é bacharel em ciência da computação pelo Centro Universitário Barra Mansa (Rio de Janeiro) e lecionou por quase seis anos na Escola Superior de Redes sobre engenharia reversa de malware para instituições financeiras, departamentos da polícia, exército, marinha e empresas privadas. 

“O cenário do cibercrime brasileiro evoluiu muito com a colaboração com o leste europeu e as ameaças nacionais passaram a adotar tecnologias avançadas. A chegada do Thiago Marques ao time GReAT permitirá uma análise mais aprofundada de como os criminosos virtuais nacionais estão escrevendo seus códigos maliciosos”, destaca Dmitry Bestuzhev, diretor da GReAT da Kaspersky Lab para a América Latina.