IMPACTO

Queda no faturamento já atinge 89% dos pequenos negócios

02/04/2020 13:10

De acordo com o Sebrae, grande parte dos empreendimentos pode fechar as portas em um mês.

Pequenas empresas representam 99% de todos os empreendimentos do país. Foto: Pexels.

Tamanho da fonte: -A+A

O Sebrae realizou uma pesquisa na qual 89% das micro e pequenas empresas brasileiras já observam uma queda no seu faturamento após os início do distanciamento social.

De acordo com os dados, 36% dos empreendedores afirmam que precisarão fechar o negócio permanentemente em um mês caso as restrições adotadas até agora permaneçam.

A pesquisa, realizada entre os dias 20 e 23 de março com 9.105 donos de pequenos negócios, revelou que, na média, a redução no faturamento das empresas foi de 69%. 

Segundo os empresários ouvidos pelo Sebrae, mesmo adotando uma estratégia de venda on-line, o faturamento anual do negócio sofreria uma queda de 74%, caso as políticas de isolamento social sejam mantidas por um período de dois meses.

Com a expressiva queda nas vendas, 54% dos empreendedores já preveem que precisarão solicitar empréstimos para manter o negócio em funcionamento sem gerar demissões. 

Ao avaliar as perspectivas da economia brasileira, 33% dos empresários entrevistados acreditam que o país deve levar um ano ou mais para voltar ao normal.

O estudo ainda mostra que as medidas de restrição ao deslocamento de pessoas já fizeram com que 42% dos empresários tomassem a decisão de fechar temporariamente o negócio e levou 26% a reduzir a jornada de trabalho da empresa.

“A situação provocada pela pandemia exige de todos os agentes públicos o compromisso pela busca de soluções concretas e rápidas para os problemas que essas empresas estão enfrentando no dia a dia da crise”,  destaca Carlos Melles, presidente do Sebrae.

Segundo a instituição, as pequenas empresas representam 99% de todos os empreendimentos do país e geram mais da metade dos empregos formais.

Veja também

CORONAVÍRUS
TI do Rio de Janeiro aderiu em peso ao home office

Levantamento do sindicato TI Rio mostra que 99% entraram no sistema.

ECONOMIA
Governo autoriza corte de salário e redução da jornada

Tesouro Nacional pagará uma compensação no valor do seguro-desemprego por até dois meses.

JOGO INFINITO
Mantendo o barco à tona em águas turbulentas

A certeza sobre o que você precisa para vencer não existe. 

TENDÊNCIA
Microsoft: todos eventos agora digitais?

De acordo com site americano, companhia planeja uma virada radical para 2021.

SALAS VAZIAS
WeWork oferece descontos de 50% para inquilinos

Na tentativa de obter receita durante a crise, empresa está buscando contratos de longo prazo.

VIDA DURA
Juízes do Ceará perdem gratificação por home office

Medida que aumentava os salários em 15% foi barrada pelo ministro Dias Toffoli.

EDUCAÇÃO
Oracle Academy tem evento on-line sobre cloud

Terceira edição brasileira do Virtual Student Day acontece no dia sete de abril.

COVID-19
SENAI e indústrias consertam respiradores

Dez grandes empresas, maioria do setor automotivo, fazem parte da ação em 13 estados.

PRIORIDADES
LGPD deve ficar para 2021

Projeto de lei empurra início da vigência da lei de dados para agosto de 2021.

AÇÃO
Vivo e TIM mandam atendentes para casa

Operadoras conseguem executar virada de 100% do atendimento para home office.