Foto: Edis Cruz/Aeroportos Brasil Viracopos.

A operadora Arion Services adotou a solução CPqD Billing para gerir a tarifação e faturamento dos serviços de telecom prestados aos clientes instalados no aeroporto de Viracopos, em Campinas.

A solução do CPqD entrou em operação no aeroporto em abril deste ano. 

“Uma das vantagens do CPqD Billing é a agilidade na ativação de novas operações. No aeroporto de Viracopos, por exemplo, em apenas um mês, começamos a faturar usando essa solução”, ressalta Carlos Marum, sócio-diretor do Grupo Arion, que está completando 10 anos de atuação no mercado brasileiro.

O sistema do CPqD também foi implantado em 2014 nos aeroportos de São Paulo (Guarulhos) e de Belo Horizonte (Confins), 

“Temos um volume de dados considerável, um portfólio de serviços extenso e em constante mudança e um universo de clientes com perfis diferentes e particularidades distintas. Por isso, é importante contar com um sistema robusto e flexível”, explica Marum.

Atualmente, somando os três aeroportos em que opera, a Arion tem cerca de 600 clientes entre companhias aéreas, restaurantes, lanchonetes, lojas, bancos, hotéis, locadoras de veículos e cooperativas de táxi.

As empresas utilizam serviços de telefonia (convencional e IP), de radiocomunicação, de comunicação de dados e de banda larga, entre outros. 

Cada cliente tem necessidades específicas envolvendo, além do portfólio básico, pacotes de serviços e projetos customizado, por isso a fatura precisa refletir essas particularidades.

Fornecida como serviço, a solução CPqD Billing foi concebida para dar suporte a processos críticos de tarifação, faturamento, arrecadação, cobrança e contestação de faturas.

O CPqD Billing pode ser integrado a outros sistemas utilizados pelas empresas prestadoras de serviços a usuários, interagindo com aplicações de mediação, workflow, ERP, CRM, entre outras. No caso da Arion, a solução do CPqD foi incorporada ao portal de relacionamento com clientes, que abrange as áreas de operação, comercial e help desk da empresa.