A Clemar Engenharia adotou o sistema Elipse E3. Foto: Divulgação.

A Clemar Engenharia adotou o sistema Elipse E3, desenvolvido pela Elipse Software, para monitorar duas usinas fotovoltaicas (localizadas em Florianópolis e Palhoça, em Santa Catarina).

O E3 possui recursos avançados de registro e consulta em banco de dados Microsoft SQL Server, disponibilizando a visualização de gráficos operacionais e gerenciais da energia produzida pelas usinas.

Instalada em dezembro de 2016, a usina de Palhoça ocupa 650m² de área e pode gerar até 55kWh. Já a usina fotovoltaica de Florianópolis foi construída dois meses após o término da unidade da Palhoça, em fevereiro de 2017, e ocupa aproximadamente 470m² de área. O sistema possui capacidade de gerar até 50kWh de energia.

Com o E3, a Clemar consegue monitorar a energia, em kW e kWh, gerada pelas usinas em tempo real, assim como a energia já produzida desde o início de suas operações. 

O software permite à empresa supervisionar as variáveis de desempenho das strings (conjuntos de módulos fotovoltaicos ligados entre si para produzir uma tensão de saída alta), exibindo, inclusive, o percentual da energia que está sendo produzida em comparação à capacidade total de cada uma delas. 

As grandezas relacionadas ao fornecimento de energia realizado pela Celesc ao quadro geral de distribuição das usinas também são supervisionadas pelo software, assim como o status dos inversores. 

O E3 permite também analisar graficamente qual foi a energia gerada nos últimos meses, dias e horas. Somado a isto, o software monitora o “crédito” obtido no mês fruto da energia excedente produzida, mas não utilizada.

Para prover o controle, o sistema se comunica com os diferentes equipamentos e medidores instalados nas usinas via VPN, rede dedicada de operadora.

Fundada em 1970, a Clemar Engenharia tem sua unidade matriz localizada em Florianópolis. A empresa apresenta uma unidade industrial em Palhoça e um escritório técnico-comercial em Joinville, estando presente também com 14 filiais distribuídas nos principais estados brasileiros.