CAPITAL

Movile recebe aporte de US$ 200 milhões

02/08/2021 12:25

Investimento é o maior já feito no grupo e vem da Prosus, seu principal investidor desde 2008. 

Patrick Hruby, CEO da Movile. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Movile, grupo dono de marcas como iFood, Zoop e Sympla, recebeu um aporte de US$ 200 milhões (cerca de R$ 1 bilhão) da Prosus, grupo holandês de internet que é o seu principal investidor desde 2008.

Criada em 1998, a Movile começou em uma pequena sala da incubadora de empresas juniores da Unicamp. Na época, a companhia atuava com o desenvolvimento e a venda de SMS e ringtones, com menos de 10 pessoas trabalhando, e se chamava Compera.

Mais tarde, veio a fusão com a NTime e a compra da CycleLogic, que ajudou a expandir as operações para a América Latina.

Em 2011, a empresa inaugurou um escritório em Mountain View, nos Estados Unidos, para aprender com as empresas do Vale do Silício e adaptar o negócio ao novo cenário que se apresentava — com  smartphones e celulares mais evoluídos.

No ano seguinte, a Movile criou células de inovação e, a partir disso, originou-se o aplicativo PlayKids, que inicialmente foi chamado de Canal Desenho. 

Em 2013, investiu no iFood, startup na época formada por menos de 30 pessoas e que fazia 20 mil pedidos por mês. Hoje, a empresa já passa de 2 mil funcionários e faz 30 milhões de pedidos por mês.

Nos últimos três anos, o grupo alcançou um crescimento médio anual de 80% em receita e realizou mais de 30 negócios, entre investimentos e M&As.

Isso inclui a ampliação da estratégia de logística, com o aporte na plataforma de entrega colombiana Mensajeros Urbanos, em 2020, e o investimento na argentina Moova, neste ano, expandindo a presença da Movile no mercado latino-americano.

Recentemente, o segmento de fintech foi definido como uma divisão específica dentro do grupo, que lançou a Conta Digital iFood, desenvolvida pela MovilePay com tecnologia da Zoop.

Desde seu lançamento, em outubro de 2020, a MovilePay já concedeu cerca de R$ 200 milhões em crédito a pequenos restaurantes registrados na plataforma iFood, com mais de 150 mil contas digitais ativas.

No início de julho, o grupo investiu mais R$ 170 milhões na Zoop como parte do novo financiamento da Prosus.

Outro mercado-foco para a Movile é o de Games, com a Afterverse, marca de jogos nascida dentro da PlayKids. A empresa possui e opera os títulos PK XD e Crafty Lands e alcança 50 milhões de jogadores por mês em mais de 180 países.

Este é o maior investimento primário em uma única rodada desde a fundação da Movile e os novos recursos serão direcionados para a expansão das atuais empresas do grupo, além de serem usados para investir em novas startups no Brasil e na América Latina.

O foco será nas verticais de logística, fintechs e games.

"Buscamos empresas que desenvolvam soluções tecnológicas com potencial de crescimento exponencial. Além disso, é nossa missão trazer talentos cada vez mais diversos para as equipes das nossas empresas", destaca Patrick Hruby, CEO da Movile.

Hoje com 5 mil funcionários, o grupo possui mais de 600 vagas abertas entre suas diversas companhias.

Para a Prosus, a Movile é um investidor estratégico com sólido conhecimento e experiência no mercado latino-americano, o que garante valor às pessoas, à cultura, à administração, às finanças e ao desempenho da companhia. 

“Eles colaboram de forma direta e aprofundada com suas empresas investidas para garantir o sucesso de cada uma delas, o que representa uma maneira única de investir e semelhante à abordagem da própria Prosus", destaca Roger Rabalais, CFO da Prosus Food e presidente do conselho da Movile.

Fundada em 2019, a Prosus é um dos maiores investidores em tecnologia do mundo e tem foco nos setores de classificados on-line, pagamentos e fintech e entrega de alimentos em mercados como Índia, Rússia e Brasil.

Em seu portfólio, também estão empresas como Avito, Brainly, BYJU'S, Codecademy, eMAG, Honor, LazyPay, letgo, Meesho, OLX, PayU, Red Dot Payments, Remitly, SimilarWeb, SoloLearn, Swiggy e Udemy.

Veja também

INVESTIMENTO
Pipo Saúde recebe aporte de R$ 100 milhões

A rodada Série A foi a maior do mercado de saúde, sendo liderada pela americana Thrive Capital.

NACIONAL
Startup de CDN brasileira levanta R$ 3,2 mi

GoCache quer competir com as grandes players multinacionais do setor.

INOVAÇÃO
Gerdau procura soluções de todo o Brasil

Institutos, startups e empresas de tecnologia podem se inscrever até 5 de agosto.

VAGAS
XP forma 300 com Trybe

Corretora está oferecendo curso de desenvolvimento de software para contratar profissionais.

DELIVERY
Daki levanta US$ 170 milhões

A startup foi fundada no início de 2021 e se fundiu com a norte-americana Jokr.

LOGTECH
Cobli recebe aporte de US$ 35 milhões

Rodada série B foi liderada pelo SoftBank, com participação de outros quatro fundos.