A Católica de Santa Catarina ingressou no Amazon Web Services (AWS) Academy. Foto: Divulgação.

A Católica de Santa Catarina é a mais recente instituição a ingressar no Amazon Web Services (AWS) Academy. 

No Brasil, o programa da AWS também conta com as faculdades DeVry Fanor, em Fortaleza, e ENIAC, em Guarulhos.

Com o projeto, os estudantes das graduações em engenharia de software, sistemas de informação e tecnologia em jogos digitais passam a ter acesso a toda a infraestrutura da AWS na nuvem para o desenvolvimento de soluções tecnológicas.

De acordo com Maurício Henning, coordenador dos cursos envolvidos no programa, a iniciativa da AWS em realizar convênios com instituições de ensino fora dos Estados Unidos é recente. Na Católica, a aproximação ocorreu em 2017, quando representantes da companhia participaram de um evento sobre startups na instituição.

A partir da parceria, a Católica irá oferecer, durante as aulas, conteúdos relacionados à computação em nuvem e às soluções fornecidas pela AWS. 

Com isso, os alunos serão capacitados a criar soluções utilizando a tecnologia desenvolvida pela empresa. Para o credenciamento do instrutor, a AWS ofereceu uma capacitação a distância, em dezembro, para os professores Manfred Heil Junior e Glauco Vinícius Scheffel – que serão os responsáveis por acompanhar os acadêmicos.

O AWS Academy oferece instrução para 60h de aulas voltadas para arquitetura de redes, que serão incluídas em disciplinas já oferecidas pela universidade, partir do 5º semestre.

Além disso, a empresa oferece treinamento para a oferta de 3h de conteúdo sobre introdução à nuvem, que na Católica será combinada com as matérias de infraestrutura de redes.

“Estamos entre os pioneiros nesse tipo de credenciamento no Brasil. Além de preparar os alunos para lidar com o que existe de mais moderno nesse tipo de tecnologia, também vai contribuir com o desenvolvimento das empresas da região, já que muitas utilizam as soluções AWS em seus serviços”, destaca Henning.

O convênio entre a Católica de Santa Catarina e a Amazon Web Services também irá capacitar os estudantes para obter a certificação da AWS. 

“A partir dos conhecimentos adquiridos de forma multidisciplinar, o aluno é preparado para ter um bom desempenho na prova”, comenta.

A Católica de Santa Catarina atende hoje a cerca de 150 alunos nos cursos envolvidos no programa da AWS.