O Banco Inter fez uma captação de R$ 12 milhões com Letra Imobiliária Garantida (LIG). Foto: Divulgação.

O Banco Inter anunciou na quinta-feira, 3, que fez uma captação de R$ 12 milhões com Letra Imobiliária Garantida (LIG). Essa foi a primeira movimentação do banco na modalidade.

A iniciativa abre uma nova alternativa de funding para crédito imobiliário para reforçar a estratégia do banco nessa área de empréstimo. A novidade é somada à poupança, às letras de crédito imobiliário (LCI) e aos certificados de recebíveis imobiliários (CRI) como funding para as operações de crédito imobiliário do banco. 

Isenta de cobrança de Imposto de Renda para pessoas físicas e investidores estrangeiros, a LIG foi regulamentada no fim de 2017 pelo Conselho Monetário Nacional (CMN).

“A LIG nos torna ainda mais completos para atuar no financiamento imobiliário. De um lado, oferecemos aplicações para todos os perfis de investidor; de outro, emitimos papéis com diferentes prazos de vencimento, o que nos permite diversificar a oferta de crédito para o setor habitacional”, explica Rafael Rodrigues, diretor de investimentos do Banco Inter.

Com 85 mil clientes investidores no terceiro trimestre de 2018, o custo de captação do Banco Inter teve redução de 12 pontos percentuais e chegou a 83,8% do CDI. 

No mesmo período, o crédito imobiliário representou 59,8% da carteira de crédito ampliada do Banco Inter, com R$ 1,8 bilhão, sendo 55% de financiamentos e 45% de empréstimos com garantia de imóvel.

Em novembro, o Santander Brasil fez as primeiras emissões de LIG no país, somando no conjunto aproximadamente R$ 180 milhões, de acordo com a Reuters.

O Bradesco sinalizou em dezembro que também preparava uma captação com o instrumento.

O Banco Inter realizou em 2018 seu IPO na Bolsa de Valores de São Paulo e movimentou R$ 721 milhões, em uma oferta primária de R$ 541 milhões. 

Em setembro, o banco digital alcançou 1 milhão de correntistas. O número de contas abertas por dia útil da empresa passou de 1,4 mil em 2017 para 4,5 mil no período.