Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

O Banco Bmg anunciou a aquisição de 30% do capital da Raro Labs, startup mineira focada no desenvolvimento de softwares sob medida para empresas, por R$ 3,5 milhões.

Fechado por meio da CBfácil Corretora de Seguros, controlada pelo banco, o valor será pago em parcela única no dia 1º de fevereiro de 2021. O negócio inclui a opção de adquirir até 75% da empresa de tecnologia após três anos.

Fundada em 2010, a Raro Labs cria softwares que possam ser estendidos e sustentados para atender os clientes em áreas como customer service, engenharia, educação, saúde, marketplace, recursos humanos, seguros e financeiro.

A startup começou a relação com o Bmg em 2017, quando venceu um hackathon promovido pelo banco.

"Para nós, o investimento realizado na Raro Labs está em acordo com os nossos planos de negócios e crescimento para os próximos anos, que incluem o desenvolvimento de novas ferramentas e serviços para os clientes de todo o Brasil", afirma Eduardo Mazon, diretor de operações e tecnologias core no Bmg.

Fundado em 1930, o Banco Bmg é conhecido pela oferta de crédito consignado e pelo patrocínio a times de futebol. 

Com mais de 4,8 milhões de clientes ativos, a empresa oferece uma conta digital e conta com mais de 833 lojas help! Loja de Crédito, além de mais de 2 mil correspondentes bancários em todo território nacional.