O Hospital Dr. Miguel Soeiro utiliza tecnologias da MV há 10 anos. Foto: Divulgação.

O Hospital Dr. Miguel Soeiro, da Unimed Sorocaba, foi certificado com o nível 7 da Healthcare Information and Management Systems Society (HIMSS), o mais alto da certificação. 

A unidade utiliza tecnologias da MV há 10 anos. 

No Brasil, há apenas cinco hospitais atestados com o mais alto nível do programa, que atesta a qualidade da tecnologia da informação e dos mecanismos de segurança para fornecer cuidados clínico-assistenciais. 

“A nova versão do modelo de maturidade da HIMSS eleva as exigências de segurança na assistência ao paciente. Nesta nova versão, além da exigência de checagem à beira leito de tudo que for infundido no paciente, como medicamento, sangue, nutrição enteral e parenteral, leite e soro, foi adicionada também a checagem do material coletado para realização de exames”, explica Alexandre Erik Cavalcante, gerente da MV que acompanhou todo o projeto. 

A nova checagem é realizada por meio de dispositivos mobile com validação por código de barras. 

“Em 2009, o hospital atingiu o estágio 6 da HIMSS. Mesmo sendo uma conquista diferenciada, tendo em vista que apenas 24 instituições no Brasil chegaram a esse nível, essa equipe não se sentiu satisfeita. Imediatamente, foram iniciados outros projetos para elevação do patamar tecnológico”, lembra Paulo Magnus, presidente da MV.

Entre as organizações brasileiras no nível 7 da HIMSS estão o Hospital Unimed Recife III, Hospital Márcio Cunha e Hospital Unimed Volta Redonda.