Reginaldo Stocco, CEO da Vhsys. Foto: Divulgação.

A Vhsys, startup de São José dos Pinhais que fornece softwares na nuvem para gestão empresarial, faturou R$ 9 milhões em 2018. O resultado é o dobro do registrado no ano anterior.

Para 2019, a expectativa da empresa é atingir receita de R$ 18 milhões.

A previsão é de que a empresa abra mais de 40 vagas de emprego este ano em diferentes níveis, aumentando a equipe atual de 80 para 120 funcionários.

A Vhsys ganhou força em 2017, quando recebeu um investimento-anjo de R$ 1 milhão dos fundadores da Bematech (Marcel Malczewski) e EBS Sistemas (Gilmar Pértile).

"Para este ano deveremos crescer organicamente, garantindo o resultado positivo da companhia. Após um crescimento de 100% em 2018, nós planejamos contratar mais funcionários e continuar evoluindo. Será um ano de consolidação de resultados para a Vhsys sem perder a visão de progredir com responsabilidade", planeja Reginaldo Stocco, CEO da Vhsys.

O software padrão da Vhsys inclui soluções básicas para as áreas financeiras, de vendas, estoque e compras, além da emissão de notas fiscais. Os planos vão de R$ 79,90 a R$ 299,90 por mês. 

A startup também oferece produtos complementares em forma de aplicativos vendidos numa loja própria com integrações com as principais plataformas de lojas virtuais e marketplaces do Brasil. 

Recentemente, a empresa lançou um aplicativo gerenciador de assinaturas e serviços recorrentes, em que é possível criar grades de planos e preços e oferecer assinaturas de qualquer tipo de serviço, de forma automatizada e integrada ao financeiro da empresa. 

Hoje, mais de 150 mil empresas utilizaram o sistema da startup.