EXPANSÃO

Matera abre unidade no Canadá

04/04/2019 12:55

Ideia é atrair profissionais brasileiros interessados em emigrar para a região de Toronto.

Canadá é um destino atraente para brasileiros interessados em emigrar. Foto: Pixabay.

Tamanho da fonte: -A+A

A Matera, empresa de tecnologia para o mercado financeiro, varejista e de gestão de risco, irá inaugurar, em junho, seu primeiro centro de desenvolvimento fora do Brasil. A cidade escolhida para receber a nova unidade foi Waterloo, no arredores de Toronto, no Canadá. 

“A escolha do local se deu pela força de trabalho altamente qualificada, ligada especialmente à Universidade de Waterloo,  e pelo ecossistema de inovação do local”, conta Alexandre Pinto, diretor de Inovação e Novos Negócios da Matera.

O plano inicial é atuar em um espaço de coworking e contratar três desenvolvedores locais.

Com o novo centro, a empresa espera impulsionar e acelerar a conquista de novos clientes também nos Estados Unidos. 

"Já trabalhamos desde 2003 com a oferta de serviços de desenvolvimento off-shore para os EUA, mas agora a ideia é buscar instituições financeiras e fintechs interessadas em adquirir os produtos da Matera para o segmento", detalha Pinto.

Apesar do foco nos Estados Unidos, a empresa escolheu o Canadá como local da nova unidade pela receptividade encontrada para instalação da empresa e na facilidade para possíveis processos de imigração de profissionais brasileiros para o centro no futuro.

Hoje a companhia trabalha com plataformas de open banking, conta digital e pagamentos.

A Matera conta com mais de 100 clientes em seu portfólio, entre bancos, varejistas e fintechs. A empresa tem 500 funcionários distribuídos entre 4 escritórios - Campinas, São Paulo, Niterói e Maringá. 

Entre os principais clientes da empresa estão Nubank, Magazine Luiza, C6, J.P Morgan, Bank of America, Santander, Agibank, Pernambucanas e Renner. 

Para o centro canadense, há dois cenários de crescimento. 

A empresa está em busca de investidores para possibilitar um aumento para até 80 funcionários no local nos próximos dois anos.

Caso não consiga um aporte externo, a empresa pretende contratar pelo menos 7 colaboradores no mesmo período.

A Matera faturou R$ 118 milhões no ano passado, um crescimento de 17% frente a 2017.

Veja também

DEBANDADA
Brasil: campeão de visto para os EUA

O Brasil é líder na América Latina na obtenção do visto de empreendedor para os Estados Unidos.

TENDÊNCIA
Fujitsu tem empresa de IA no Canadá

A Fujitsu Intelligence Technology tem sede em Vancouver.

NEGÓCIOS
Canadá mais próximo do Sul

Porto Alegre agora conta com um capítulo local da Câmara de Comércio Brasil Canadá.

 

IMIGRAÇÃO
França tem novo visto tech

O objetivo é facilitar a chegada de profissionais para startups no país.

MUDANÇA
Evento aborda imigração para o Canadá

A ExpoCanada oferece um palestras com temas sobre desenvolvimento profissional e processos de imigração.

PERGUNTE-ME COMO
Quer levar sua startup para o Canadá?

O encontro vai abordar as condições oferecidas pelo Canadá aos empreendedores.

OPORTUNIDADE
Canadá tem vagas para brasileiros

O site tem vagas para analistas, desenvolvedores, DevOps, arquitetos de soluções, entre outras.

INVESTIMENTO
IBM abre centro no Canadá

Para quem está de olho em imigração, o projeto da IBM deve gerar 2,6 mil empregos até 2020.

FINALISTAS
Prêmio do Canadá destaca startups do BR

O Most Promising Startups of the Year premiou uma empresa canadense e uma internacional.

INTERNACIONAL
Stefanini: nova investida no Canadá

A Stefanini abriu uma filial na província de Ontário.

VIAGEM
Brasil vai liberar visto para americanos

O Brasil vai deixar de exigir vistos de visitantes dos Estados Unidos, Canadá, Japão e Austrália.

EUROPA
Brasileiros precisarão autorização para UE

Nova regra exige um registro prévio, semelhante a um visto.

FUGA
Brasil: 388 foram para os EUA com EB-5

Visto dá green card em troca de um investimento de US$ 500 mil.

IMIGRAÇÃO
Portugal lança visto Tech

O modelo surge após o Startup Visa, já em operação no país.

IMIGRAÇÃO
Portugal barra brasileiros

Número saltou 74% nos oito primeiros meses deste ano.