MAQUININHAS

Mais competição nos cartões

04/11/2014 09:28

Compartilhamento de máquinas significa mais competição.

Mais facilidades para pagar com cartão. Foto: gpointstudio / shutterstock.com

Tamanho da fonte: -A+A

As máquinas de cartões da Cielo passarão a poder aceitar cartões Hiper/Hipercard, que antes só passavam na Rede. Já as da Rede começarão a processar cartões das bandeiras American Express (Amex) e Elo.

As informações são do Valor Econômico desta terça-feira, 04. Fontes ouvidas pelo jornal apontam que Hiper, Elo e American Express representam cerca de 10% de todo o volume transacionado na indústria de cartões, considerando tanto débito quanto crédito.

A queda da restrições é mais um passo de um movimento de estímulo a competição iniciado em  julho de 2010, Cielo e Rede deixaram de ter o monopólio de capturar cartões Visa e MasterCard, respectivamente. 

Desde então, a autoridade monetária pressiona pela abertura das marcas que resistiram fechadas. O argumento é que o fim dessas exclusividades diminui barreiras para novos competidores, que não capturam essas bandeiras, entrarem no segmento. 

Também reduz custo para o lojista, que não precisa ter máquinas de duas empresas diferentes. 

O acordo foi costurado entre os grandes bancos brasileiros, principais emissores de cartões, donos dessas marcas e que também são sócios das credenciadoras, revela o Valor. 

O Itaú Unibanco controla a Rede e emite os cartões da Hipercard e da bandeira Hiper. O Banco do Brasil (BB) e o Bradesco, controladores da Cielo, se uniram em 2011 à Caixa para erguer do zero a bandeira Elo. 

Veja também

MOBILECARD
App controla gastos com cartões

Kreditt controla gastos em cartões de crédito, débito e benefícios.

MÁQUINAS
Banrisul quer 5% do mercado de cartões

Hoje banco tem 1,6% do mercado nacional, mas com a nova marca Vero quer triplicar a participação.

CONSUMO
Uso de cartões supera o de dinheiro no Brasil

Meios eletrônicos de pagamento movimentaram cerca de R$ 1,1 trilhão em 2013.

BIG DATA
Hospital usa dados de cartões de crédito

Centro liga dados de consumo em algoritmos projetados para identificar pacientes de alto risco.

PAGAMENTOS
Os EUA e o atraso na evolução dos cartões

Os Estados Unidos ainda contam com tarja magnética para a maioria das transações de cartões.