Funcionária colocou boca no Twitter. Foto: reprodução

Uma funcionária da cadeia britânica especializada em música e filmes HMV narrou, em tempo real, 60 demissões da empresa no Twitter.

Poppy Rose Cleere, ex-gestora de planejamento de mídias sociais da empresa, postou frases sobre o despejo no perfil oficial da HMV, que tem mais de 73 mil seguidores.

Conforme matéria da Exame, o tweet anunciava o desespero dos colaboradores. “Nós estamos tuitando ao vivo do RH onde todos nós estamos sendo demitidos! Empolgante! #hmvxfactorfiring”, ironizou.

Naquele dia, segundo a BBC, 190 pessoas foram demitidas da rede. As mensagens foram deletadas pela companhia que, em seguida, tuitou uma justificativa para o tom de desabafo das postagens.

“Um de nossos colegas de departamento está compreensivelmente chateado. Mas nós continuamos aqui. Obrigado pelo apoio à HMV nestes tempos difíceis”, argumentaram.

Em 15 de janeiro, a empresa entrou em concordata após mais de 90 anos de existência, tornando-se a mais recente empresa de projeção mundial no ramo a passar por sérias dificuldades em virtude da queda de vendas de CDs.