INOVAÇÃO

VW: pesquisa e desenvolvimento com Instituto Eldorado

05/08/2022 14:44

Acordo deve focar em software in house, começando pelo sistema de infotainment VW Play.

O VW Play está disponível em mais de 70 países (Foto: Divulgação)

Tamanho da fonte: -A+A

A Volkswagen assinou um acordo estratégico com o Instituto de Pesquisas Eldorado, instituição sem fins lucrativos com sede em Campinas, São Paulo, para aprofundar as pesquisas e o desenvolvimento de novas tecnologias e software in house da gigante alemã.

Entre outras frentes de inovação, o instituto deve apoiar o desenvolvimento da segunda geração do VW Play, sistema de infotainment da fabricante de veículos que inclui conectividade, streaming e serviços.

A solução foi desenvolvida na América Latina e estreou mundialmente em 2020, com o lançamento do veículo Nivus, e hoje está disponível em mais de 70 países. No mercado brasileiro, está presente nos modelos Polo, Virtus, Nivus, T-Cross, Taos e Jetta GLI.

Na nova geração, o sistema será desenvolvido por um time de cerca de 20 pessoas e deve trazer novidades como carro conectado, telas maiores e com mais resolução, bem como mais capacidade de processamento.

“Esse é mais um passo importante que a Volkswagen dá na direção de se tornar uma empresa provedora de tecnologia. Tudo isso aproveitando o conhecimento local. Isso já ocorreu quando lançamos o VW Play e, com a segunda geração desse sistema, vamos além”, afirma Ciro Possobom, Chief Operating Officer (COO) da Volkswagen do Brasil.

Segundo Roberto Soboll, superintendente do Instituto Eldorado, a parceria com a Volkswagen demonstra a relevância do Brasil no desenvolvimento de plataformas globais de software.

“Junto com a Volkswagen, o Eldorado fará uso de sua ampla experiência em pesquisa e desenvolvimento de tecnologias inovadoras, trabalhando na evolução do sistema de infotainment VW Play”, explica Soboll.

Em um movimento similar, em julho deste ano, a Ford também anunciou a expansão de seus investimentos em inovação no Brasil, com a contratação de 500 novos colaboradores para seu centro de pesquisa e desenvolvimento em Camaçari, na Bahia.

Hoje, um terço das funcionalidades embarcadas nos veículos Ford mundialmente, relacionados à iluminação, travamento das portas, identificação do motorista, partida remota dos veículos e climatização, estão a cargo do time brasileiro. 

Presente há 69 anos no Brasil, a alemã Volkswagen já produziu 24 milhões de veículos no país e embarcou 4 milhões de carros para exportação. 

São três fábricas brasileiras de automóveis em Anchieta e Taubaté, São Paulo, e em São José dos Pinhais, Paraná, uma fábrica de motores em São Carlos, São Paulo, e um centro de peças em Vinhedo, no mesmo estado, além de escritórios regionais.

O Instituto Eldorado, por sua vez, possui 23 anos de experiência na criação de soluções inovadoras para empresas nacionais e internacionais, com unidades em Campinas, Manaus, Porto Alegre e Brasília, com um time de mais de 1,6 mil profissionais. 

Veja também

ENGENHARIA
Ford investe em pesquisa no Brasil

Montadora faz 500 contratações para centro de P&D baiano.

STARTUPS
Elo lança programa de inovação aberta

Projeto é voltado para startups que desenvolvem tecnologia 100% brasileira.

CONECTIVIDADE
Confins terá centro de inovação

Com 5G, o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte quer aplicar o conceito de smart airport.

FUTEBOL
São Paulo FC cria centro de inovação

Ideia é criar projetos para o clube e mercado dentro do estádio do Morumbi.

FUTURO
Região Sul lidera em inovação

RS, SC e PR estão na ponta. Veja os motivos.