AQUISIÇÃO

Selbetti adquire Pricefy

05/10/2021 13:00

A startup paulista é focada na comunicação de preços e ofertas no varejo.

Fernando Lauria, CEO da Pricefy. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Selbetti, empresa catarinense especializada em outsourcing de impressão, anunciou a aquisição da Pricefy, startup paulista focada na comunicação de preços e ofertas no varejo.

O valor e os termos da compra não foram divulgados pela companhia.

Fundada em 2017, a Pricefy tem como sócios Fernando Lauria (CEO) e Alex Terra (CIO) que, antes de criarem a empresa, atuaram como gerentes de projeto na Resource IT Solutions entre 2007 e 2010.

Sua ferramenta conta com funcionalidades para sustentar as operações nos pontos de venda, como um aplicativo de realidade aumentada que resolve os problemas de divergência de preços entre gôndolas e caixas.

A solução também realiza a impressão direta e automática de cartazes e etiquetas em menos de três minutos, além de padronizar processos de comunicação por meio da integração entre todas as lojas.

Atualmente, a Pricefy está presente em mais de 4 mil lojas físicas, conta com cerca de 50 colaboradores, mais de 100 clientes e 50 mil usuários.

Entre os seus clientes, estão nomes como Grupo Pão de Açúcar, Carrefour, BIG, Leroy Merlin, Natura, Grupo Mateus, Cencosud, Ri Happy, Extrafarma e Makro.

Para Fernando Lauria, CEO da Pricefy, a aquisição foi o resultado do encontro de duas empresas que possuem visões, objetivos e, principalmente, culturas muito semelhantes.

"Os planos da Pricefy para os próximos anos são desafiadores e agressivos. Precisávamos de um parceiro com muita sinergia. A história da Selbetti, toda equipe e o desejo de ampliar sua atuação no mercado nos fez ter certeza que a decisão de somar estava mais do que certa”, afirma Lauria.

Com a aquisição, a Selbetti busca expandir seu alcance no setor varejista, acelerando o crescimento da companhia em software como serviço (SaaS) B2B que, atualmente, é de mais de 30% ao ano.

“Buscamos ampliar o nosso ecossistema tecnológico, somando esforços para aumentar o take rate (percentual de ganhos) na camada de software”, enfatiza José Nauro Selbach Junior, CEO da Selbetti.

A expectativa é que o sistema Pricefy se una à compradora, dando força à Satelitti, plataforma cloud que a Selbetti lançou em 2020 e que reúne todos os softwares do portfólio, como o ECM, iBPMS, RPA, S-SIGN, TRACKER, ITAM, MDM, entre outras tecnologias.

Com esta operação, 40 novos profissionais serão integrados ao time Selbetti, reunindo 200 colaboradores na área de tecnologia. No total, a empresa fica com aproximadamente 1 mil colaboradores em todo o Brasil e mais de 4,5 mil clientes.

Além disso, a Pricefy possui atendimento na Colômbia e Paraguai, o que reforça a entrada da Selbetti no mercado Latam.

Essa é a 19ª aquisição da Selbetti em sete anos. Em 2014, a empresa iniciou uma série de investimentos em fusões e aquisições. Em 2016, por exemplo, comprou a curitibana Premier e, no ano seguinte, a gaúcha Absoluta Sistemas de Impressão.

No mercado desde 1977, a companhia possui hoje operações em todos os estados brasileiros, com 85 mil equipamentos e uma gama de 35 tipos de produtos e serviços.

A Selbetti tem dobrado a estrutura e o faturamento a cada três anos e, em 2020, faturou R$ 201 milhões. Até 2023, a estimativa é chegar a um valor de mercado de mais de R$ 1 bilhão.

Veja também

MARKETPLACE
Banco Pan compra Mosaico

A dona do Buscapé mostrava dificuldade em entregar o que prometeu no IPO, aponta o NeoFeed.

E-COMMERCE
Nuvemshop compra Mandaê

Com a aquisição, a companhia entra no mercado de logística para PMEs. 

DADOS
Neogrid compra Lett por R$ 38,5 milhões

Essa é a quarta aquisição da companhia após seu IPO, a segunda em menos de 15 dias.

CONTABILIDADE
Omie compra da G-Click

Startup tem solução para gestão de tarefas em escritórios de contabilidade.

NOMES
Costa, ex-RD, é VP da CondoConta

Fintech foca em soluções financeiras para condomínios e está capitalizada.

MOBILIDADE
Tembici levanta US$ 80 milhões

Rodada série C foi liderada pela Crescera Capital.