Trainee é preferência pelo interesse em plano de carreira e crescimento. Foto: flickr.com/photos/socialeurope

Tamanho da fonte: -A+A

Uma pesquisa feita pelo Ibmec-RJ aponta que os atiram para todos os lados quando o assunto é programar de trainees.

Um em cada três (34%) se candidata a mais de oito programas de talentos de uma única vez.

Realizado pela professora e pesquisadora da instituição, Lúcia Oliveira, o estudo mostra que 25% se candidatam apenas em uma empresa, 24% a dois ou três programas e cerca de 17% deles concorrem em quatro a sete empresas.

Muitos escolheram as empresas com interesse no plano de carreira e crescimento (34%), salário e benefícios (26%). Em terceiro lugar, os jovens levam em consideração a indústria, setor e negócio (25%).

As grandes empresas continuam sendo as preferidas. A maioria busca vaga como trainee pela perspectiva de carreira “rápida”, acesso a treinamento e desenvolvimento e a remuneração é fator de atração relevante.

A avaliação que os candidatos fazem dos programas é que treinamento e job rotation são bastante valorizados, mas há problemas na gestão e organização dos programas.

A pesquisa, realizada em setembro de 2012, foi feita com 95 participantes, com idade média de 25 anos.

Dos jovens entrevistados, 44% já foi trainee, 36% estão atualmente na função e 20% está tentando uma vaga.