O GRU Airport= selecionou a Dell para modernizar seu data center. Foto: Divulgação.

O GRU Airport (Aeroporto Internacional de Guarulhos) selecionou a Dell para modernizar o data center e a plataforma de atendimento aos clientes após abrir um processo de licitação.

Um fator que pesou na decisão pela contratação da Dell foi a possibilidade de ter um único ponto de contato para a implementação de toda a infraestrutura do data center.

O projeto do novo data center e da plataforma de atendimento foi desenhado em parceira pela Dell e o time de TI do GRU Airport. Entre as premissas, houve uma preocupação de criar uma estrutura modular, permitindo uma rápida expansão para acompanhar as necessidades do aeroporto.

O novo data center foi desenhado com base em soluções Dell, com uma estrutura modular baseada em servidores blade Dell PowerEdge, storage Dell Compellent SC8000 e Dell PowerVault TL200, além do appliance de backup Dell DR4000. 

Desenhado inicialmente com uma capacidade de 50 TB, o ambiente já atingiu 170 TB.

O projeto do GRU Airport incluiu também a modernização e padronização dos equipamentos utilizados para atendimento aos passageiros. A Dell respondeu pela customização e implementação do ambiente, composto por PCs (desktops e notebooks) e soluções Microsoft, Symantec e VMWare.

Assim como no caso do data center, uma preocupação foi não só atualizar a plataforma de atendimento aos passageiros, mas garantir escalabilidade para demandas futuras. A Dell ainda é responsável pelo serviço de suporte para as soluções de hardware e de software. 

A parceira entre a Dell e o GRU Airport começou após a concessionária assumir a gestão do aeroporto – até então administrado pelo governo federal – há cerca de quatro anos. Na época, a empresa identificou a necessidade de modernizar a infraestrutura de TI.

“No aeroporto, a tecnologia está em tudo o que a gente vê. A partir do momento que uma aeronave toca o solo, ela passa a ser responsabilidade nossa. É a tecnologia que coloca o avião no finger correto, que aloca os recursos necessários de acordo com o número de passageiros e tipo de aeronave”, pontua Emerson Thomazini, coordenador de infraestrutura do GRU Airport.

O Aeroporto Internacional de São Paulo, localizado em Guarulhos, é o maior aeroporto da América Latina. O espaço recebe cerca de 39 milhões de passageiros ao ano e opera 810 voos diários. 

Desde o início da gestão privada do aeroporto, diversos investimentos foram realizados na área de tecnologia.

Em 2014, por exemplo, Guarulhos passou a ser o primeiro aeroporto no país a contar com portões eletrônicos de controle automatizado de passaporte brasileiro. Também conhecidos como e-gates, os portões eletrônicos agilizam o processo de inspeção de passaporte realizado pela Polícia Federal, reduzindo o procedimento de três minutos, em média, para apenas 30 segundos.

O aeroporto de Guarulhos também adotou tecnologias da Cisco para integração e modernização de sua infraestrutura de tecnologia e telecomunicações no terminal 3.

No terminal foram implantados switches Cisco e mais de 500 access points, provendo rede Wi-Fi para passageiros e clientes, além da cobertura em todo ambiente corporativo

No final do ano passado, o GRU Airport adotou a solução BIG-IP, da F5 Networks, para balancear os links de internet e fornecer alta disponibilidade da rede VPN, em um projeto implementado pela Agility Networks.