QLIK

Leão expande BI para supply chain

08/06/2016 14:46

A iniciativa é desenvolvida com a consultoria da QConsulting.

Thiago Strobilius de Morais, especialista em BI da Leão Alimentos e Bebidas. Foto: Baguete.

Tamanho da fonte: -A+A

A Leão Alimentos e Bebidas, da Coca-Cola, está em fase de expansão de seu projeto de business intellingence, incluindo a área de supply chain da companhia na ferramenta QlikView.

A iniciativa é desenvolvida com a consultoria da QConsulting. A aquisição de licenças do software é feita via Inteligência de Negócios (IN), uma das três distribuidoras da Qlik no Brasil.

O projeto de BI da Leão começou a cerca de quatro anos, a partir da área de planejamento estratégico da empresa.

“A evolução do uso de BI é gradativa. Começamos com um projeto departamental e hoje ele está se tornando um BI corporativo. Com instrução da QConsulting, criamos um time de governança de TI no começo de 2015 para definir os rumos da ferramenta na empresa”, relata Thiago Strobilius de Morais, especialista em BI da Leão Alimentos e Bebidas

Com a criação do comitê de BI, houve a definição do desenvolvimento dos três passos seguintes do projeto: a criação de um painel para a área comercial acompanhar as vendas; a reformulação de algumas questões relacionadas ao setor financeiro; e o projeto para a área de supply chain, que será entregue no final de junho.

Hoje o QlikView é considerado fundamental para a área de planejamento financeiro de Leão, pois todas as etapas orçamentárias estão inseridas no sistema, como gastos, despesas e orçamento.

“O processo de geração das informações é feito dentro do Hyperion, da Oracle, e posteriormente se transfere a massa de dados para o QlikView, onde geramos as análises de gráfico com todos os indicadores”, detalha Morais.

A ferramenta também está integrada ao ERP da SAP utilizado pela Leão. Hoje a empresa conta com 200 usuários de QlikView entre seus 3 mil funcionários.

Formada pela Coca-Cola Brasil e seus fabricantes regionais, a Leão Alimentos e Bebidas é responsável pela gestão de toda a cadeia produtiva da linha nacional de bebidas sem gás, chás e energéticos do portfólio da Coca-Cola no país.

A empresa atua com marcas como Del Valle, Laranja Caseira, Burn, Powerade, Matte Leão, Leão Ice Tea e Guaraná Power. As unidades fabris da Leão estão localizadas nas cidades de Linhares (ES), Americana (SP), Fazenda Rio Grande (PR), Fernandes Pinheiro (PR) e Rio de Janeiro (RJ).

A Inteligência de Negócios fechou o ano passado com um faturamento de R$ 39 milhões, uma alta de 19%, em comparação a 2014. Para 2016, a meta da empresa é elevar a receita em 30%, atingindo R$ 50,7 milhões.

Ao todo, a IN tem mais de 500 clientes e filiais em Porto Alegre, Recife, Salvador e Brasília. Dos distribuidores da Qlik no país, só a IN abre dados de faturamento. As outras duas, Toccato e Nórdica, abrem apenas o número total de clientes, que está na faixa de 600 e 500 segundo os últimos dados disponíveis.

Veja também

BI
Qlik mira parceiros especializados

A partir de treinamentos específicos, as revendas serão certificadas como especializadas em cada indústria.

BI
Hering adota Qlikview para franquias

Entre lojas próprias e franquias, a Hering soma mais de 820 pontos de venda no Brasil.

AMÉRICA LATINA
Ex-Siemens é diretor de marketing da Qlik

André Felipe atuou por cinco anos na Siemens PLM.

BI
Qlik: programa de canais para serviços

O novo projeto será implementado oficialmente em seis meses.

BI
Varejo Mais troca Tableau por Qlik

O projeto na empresa foi desenvolvido com apoio da consultoria Avance e da Toccato.

BI
iMaps é nova revenda da Teradata

A iMaps quer unir as ofertas da nova parceira com a Qlik.

BI
Thoma Bravo compra Qlik por US$ 3 bi

O conselho da Qlik aprovou a quantia de US$ 30,50 por ação por unanimidade.