LGPD

Santher aumenta segurança com Microsoft

08/06/2021 05:14

Projeto visando compliance com ISO 9001 e LGPD foi entregue pela Solo Network.

Santher é uma das maiores no país no seu segmento. Foto: Pixabay.

Tamanho da fonte: -A+A

A Santher, uma das mais tradicionais fabricantes de papel higiênico no país, adotou tecnologias de segurança da Microsoft visando entrar em compliance com a nova Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

O projeto envolveu o uso de soluções rodando na nuvem Azure como Active Directory, Information Protection, Data Loss Prevention (DLP) e Microsoft 365 Compliance Manager, implementadas pela Solo Network, após uma avaliação do ambiente da empresa.

A adoção das ferramentas aconteceu depois da Santher estabelecer como objetivo a obtenção da certificação ISO 9001, referência internacional para a gestão de Segurança da Informação.

As soluções adotadas foram principalmente na proteção de dados sensíveis, restrição para que informações sigilosas fossem compartilhadas sem autorização pelos colaboradores e no processos de categorização de informações sigilosas e públicas.

“O trabalho da Solo foi fundamental, pois nos ajudaram a identificar várias oportunidades de melhorias sem necessidade de investir mais por isso e, novamente, a Microsoft se mostrou um parceiro em que podemos confiar para atender as mais avançadas necessidades de segurança”, finaliza Leandro Silva,  gerente executivo de Tecnologia da Informação da Santher. 

A LGPD foi aprovada em 2020 e entra em vigor em agosto. A nova legislação prevê multas de até 2% do faturamento bruto anual, podendo chegar a um máximo de R$ 50 milhões para vazamentos de dados.

A Santher produz papel higiênico, papel toalha, guardanapos, fraldas e absorventes. A receita líquida foi de R$ 1,7 bilhão em 2020. 

A Solo Network é parceira de fabricantes de software e hardware, com destaque para as soluções Microsoft, Kaspersky, Adobe, Autodesk, Huawei e Lenovo, entre outros. A empresa tem 5 mil clientes ativos e operações em Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Salvador.

Em 2020, a empresa foi Microsoft Partner of the Year Brazil e o Adobe Partner of the Year Americas, neste último caso, um destaque nunca antes obtido por uma empresa brasileira.

Veja também

HOME OFFICE
Tribunal de Contas de Rondônia adota Office 365

Em alta no setor público, a Brasoftware foi responsável pelo projeto que envolveu 670 licenças.

LÍQUIDOS
Vazamento da Vivo foi um pingo

Operadora revelou que dados de 224 clientes vazaram em 2019 e não 24 milhões.

PROTEÇÃO
Grupo RBS: adequação à LGPD com PrivacyTools

Programa voltado à privacidade de dados também contou com o escritório Baptista Luz Advogados.

DADOS
Ex-Einstein é a nova DPO da Boa Vista

Viviane Rico Menezes também passou por organizações como KPMG e Bunge.

LGPD
Inovação digital deve seguir conceito Privacy by Design

Velocidade da expansão dos ambientes digitais e leis de privacidade trazem desafios.

DISPUTA
CNPD entra na fase de mata-mata

Setor de TI disputa indicação de Bolsonaro com entidades do setor de comunicação.