Knorr-Bremse adota solução SPED com Sonda IT. Foto: divulgação.

O Grupo Knorr-Bremse, fabricante de sistemas de frenagem para veículos ferroviários e comerciais, implementou a solução SPED ECF (Escrituração Contábil Fiscal) em um projeto realizado com a Sonda IT.

A filial brasileira da multinacional alemã realizou a implantação ao longo do ano, finalizando o processo antes do prazo para a obrigatoriedade do uso da nova escrituração, que ocorreu em setembro de 2015. O valor do projeto não foi aberto.

De acordo com a Knorr-Bremse, o SPED ECF utiliza uma base de dados única e integrada entre os módulos, independente do sistema de origem. Sendo assim, os dados utilizados pelo SPED Contábil, por exemplo, são os mesmos utilizados no módulo SPED ECF, o que garante integridade e rastreabilidade das informações.

Segundo o accounting coordinator da Knorr-Bremse Brasil, Adriano de Arruda, as parcerias anteriores com a Sonda e a questão de valor do investimento e a compatibilidade com o ERP (Entreprise Resource Planning) da SAP foram facilitadores do processo.

“O processamento foi rápido e não tivemos problemas. Ficamos satisfeitos com o trabalho visto ser uma obrigação nova, condição que torna o cenário suscetível a ocorrência de muitas surpresas”, complementa Arruda.

Com sede em Munique, na Alemanha, o grupo Knorr-Bremse tem mais de 110 anos e atua em 25 países com 60 filiais. Em 2014, o grupo alcançou um volume de negócios de € 5,2 bilhões, empregando mais de 23 mil pessoas em todo o mundo. No Brasil, a companhia tem uma unidade em Itupeva, a 60km de São Paulo.