R$ 169 MILHÕES

Governo lança edital para videoconferência

09/03/2015 09:28

Os equipamentos serão distribuídos entre de 61 órgãos da administração federal.

A estimativa é que o valor investido em videoconferência fique em R$ 169,17 milhões. Foto: LDprod/Shutterstock.

Tamanho da fonte: -A+A

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão divulga, na próxima terça-feira, 10, um edital para compra conjunta de equipamentos para serviços de videoconferência por órgãos públicos. Os equipamentos serão distribuídos entre de 61 órgãos da administração federal e a estimativa é que o valor desembolsado fique em R$ 169,17 milhões. 

De acordo com o TIInside, o objetivo da compra em bloco é a redução do custo para o governo, que será 79,61% menor que os R$ 830 milhões que haviam sido estimados na primeira consulta aos órgãos públicos interessados.

Segundo o ministério, além de a compra conjunta aumentar o poder de negociação do governo, o diálogo com os ministérios e o agrupamento dos equipamentos necessários em kits contribuíram para a redução. 

A aquisição em bloco é parte da estratégia da central de compras da pasta, criada no início do ano passado para diminuir gastos na administração pública. Em 2013, a pasta já havia testado o sistema de negociação em bloco, ao renovar contratos de telefonia fixa de 58 órgãos. 

O ministério relata que, na ocasião, houve economia de 48% ante os contratos existentes.

No fim de janeiro, com a central de compras já em funcionamento, o ministério fez também uma licitação para compra conjunta de imagens de satélite, e o custo total ficou em R$ 61,3 milhões, 83,3% menor do que o valor médio pago anteriormente pelo governo. 

Outro projeto implementado pela central de compras é a aquisição direta de passagens aéreas, sem intermediação de agências de turismo.

A estimativa de R$ 169,17 milhões para a compra de equipamentos para videoconferência foi feita com base em consulta aos fornecedores. De acordo com o ministério, o valor final da aquisição pode cair, dependendo das propostas apresentadas pelas empresas que participarem da licitação. Com informações da Agência Brasil.

Veja também

POWERED BY CISCO
Paquetá integra telefonia com InfraTI

A implantação foi resultado de um investimento de R$ 3,5 milhões.

CRIPTOGRAFIA
Sikur: solução para agentes de inteligência

Solução de criptografia dados inclui emails, mensagens, arquivos, videochamadas e outros.

NOVOS PRODUTOS
Agora Telecom mira videomonitoramento IP

Empresa mira novo segmento ao firmar parceria de distribuição com a canadense MarchNetworks.

ENERGIA
CPFL: Polycom para vídeo colaboração

 O investimento inicial na infraestrutura foi de R$ 500 mil.

MICROSOFT
Sanesul: R$ 930 mil em Office 365

Todos os 1,2 mil empregados terão acesso à ferramenta, de maneira gradativa