PRÁTICAS

Google pede prova de oferta de trabalho

09/09/2021 10:33

Funcionários agora precisam provar interesse de outras empresas ao pedir aumento.

Funcionários do Google tem que abrir o jogo sobre propostas. Foto: Google.

Tamanho da fonte: -A+A

O Google passou a pedir provas de que seus funcionários receberam propostas de outras empresas antes de negociar um aumento.

A revelação é do site americano The Information, que teve acesso a emails internos da gigante de buscas, nas quais funcionários do RH pedem acesso às propostas dos concorrentes antes de fazer uma contraproposta para o colaborador permanecer.

De acordo com o The Information, a prática era usada no passado apenas para funcionários em nível executivo, mas está se tornando mais frequente também nos níveis inferiores da hierarquia.

Se os funcionários não oferecem provas, o Google pode não fazer uma contraproposta, revela o The Information.

A medida acontece em um contexto no qual o Google está fazendo um esforço para controlar seus gastos com pessoal.

Em agosto, a Reuters revelou que a empresa está cortando até 25% do salário de funcionários que fiquem em trabalho remoto permanentemente, especialmente daqueles que moram longe do escritório.

Segundo a publicação, a Work Location Tool foi lançada em junho para que os colaboradores vejam qualquer impacto na remuneração caso optem por se mudar ou trabalhar remotamente, uma vez que o pagamento varia de acordo com a cidade ou estado.

Veja também

IMAGENS
SAP demite por vídeo viral

Discussão sobre máscaras em supermercado acaba na Internet e funcionária na rua.

ACQUI-HIRING
Itaú compra Emergee

Profissionais da consultoria de métodos ágeis serão incorporados à estrutura do banco.

PROCESSOS
Servidores fraudam RH da Secretaria da Fazenda

Modernização no sistema revelou esquema que desviou R$ 2 milhões.

COMUNICAÇÃO
CCP: rede social corporativa com Facebook

Ferramenta teve 100% de ativação dos colaboradores em dois dias de lançamento.

PRODUTIVIDADE
BB aprende a lidar com excesso de informação

Empresa de treinamentos foca em ajudar empresas a trabalhar melhor com softwares.

MALABARISTAS
Funcionários em casa têm dois empregos

Tem gente trabalhando em duas empresas ao mesmo tempo nos Estados Unidos.