TAMO JUNTO

E-smart integrada no MercadoLivre

10/01/2013 16:06

Integração permitirá acesso especial dentro do seu painel de controle da empresa ao MercadoLivre.

Walter Sabini Junior e Vinicius Pessin.

Tamanho da fonte: -A+A

A E-smart anunciou uma integração que permitirá um acesso especial dentro do seu painel de controle ao MercadoLivre.

O objetivo é que pequenos negócios que usam a plataforma possam controlar em um só lugar sua própria loja virtual e as ofertas existentes no MercadoLivre.

Além disso, todo o estoque será integrado, e a partir da plataforma, o lojista poderá responder a todas as dúvidas dos e-consumidores e também fazer a avaliação do comprador.

A integração foi feita com as recém lançadas APIs do MercadoLivre

“Estamos trazendo uma plataforma que acaba com as barreiras para a montagem de uma loja virtual. Uma solução simples, prática e que não requer estudos técnicos. E, a integração com o MercadoLivre vai permitir que além dessa facilidade, as pequenas empresas angariem ainda mais vendas e exposição”, afirma Vinicius Pessin, CEO da E-smart.

O MercadoLivre comercializou mais de 17,6 milhões de produtos no último trimestre (entre julho e setembro de 2012), um crescimento de 22,4% em relação ao mesmo período do ano passado.

Só no terceiro trimestre do ano passado, a movimentação foi de US$ 1,436 bilhão.

A E-smart foi lançada em agosto por Vinicius Pessin, ex-diretor do UOL Host e Walter Sabini Junior, fundador e ex-CEO da Virid.

O objetivo da companhia é finalizar 2013 com 200 clientes e faturamento de mais de R$ 20 milhões.

A empresa já adquiriu a VirtualBiz, que atende mais de 50 lojas virtuais, entre elas Hering, Nutriworld e Arena.

A meta declarada da E-smart é balançar o mercado de comércio eletrônico, que, na opinião dos fundadores, está carente de empresas de porte depois que players como Ikeda e Vertis foram adquiridos por um marketplace e uma cadeia varejista, deixando a Vtex em uma situação “confortável”.

Veja também

E-COMMERCE
Quadrado é o CTO da E-smart

Ex-UOL Host, executivo gaúcho assume a posição de chefe de Tecnologia da empresa.

GANHA-PÃO
134 mil vivem do MercadoLivre

Estudo da Nielsen, encomendada pelo MercadoLivre, indica que 134 mil pessoas, hoje, vivem com renda total ou parcial proveniente da venda de produtos pelo site de e-commerce.

Além disso, diz o IDG Now, a pesquisa aponta que 45 mil novas vagas devem ser geradas este ano pelos varejistas que usam o Mercado Livre como plataforma.

E-COMMERCE
Pessin e Sabini lançam E-smart

Ex-diretor do UOL Host e ex-CEO da Virid, juntaram as forças para fundar uma empresa de fornecimento de plataforma de e-commerce.