Google reforçando investimentos em energia renovável. Foto: reprodução.

Tamanho da fonte: -A+A

O Google anunciou nesta quinta-feira, 10, que investiu cerca de US$ 200 milhões na construção de um parque eólico nos Estados Unidos, localizado ao oeste do estado do Texas.

O projeto, chamado de Spinning Spur Wind, tem capacidade de geração de 161 megawatts, com a finalidade de fornecer energia a cerca de 60 mil residências locais, destaca o Valor.

De acordo com o Google, os investimentos “oferecem um retorno atrativo relativo a seus riscos e nos permite aplicar em um gama bem ampla de ativos”, afirmou a companhia em nota.

Conhecida por investir em aplicações no setor de energia renovável, a gigante das buscas já gastou cerca de US$ 1 bilhão em projetos desta natureza, com um potencial de geração de cerca de 2 gigawatts - quantia capaz de alimentar 500 mil residências nos EUA por ano.

A empresa é notória por não revelar maiores detalhes sobre suas estruturas de data centers e instalações físicas, no entanto sabe-se que o Google precisa de um volume alto de energia para manter seus servidores por exemplo.

Segundo o analista Mark Gunther, do site GreenBiz, a decisão do Google em investir em energia não apenas se preocupa em sustentar sua estrutura, mas também é uma forma de disponibilizar energia limpa em grande escala para o uso da população.

"Para o Google, investir em energia limpa não é filantropia. Faz parte do negócio. É um investimento com ganhos múltiplos, rendendo benefícios à empresa e ao meio ambiente", expica o analista.