Lixo eletrônico. Foto: site Lorene.

Tamanho da fonte: -A+A

A Lorene, empresa paulista que trabalha com reciclagem de equipamentos eletrônicos, é a primeira companhia no Brasil a adotar a solução SAP Business One Analytics, baseada na tecnologia de computação em memória Hana com consultoria da Quintec.

Um dos primeiros clientes do sistema de gestão B1 no Brasil, com implementação em 2006, a Lorene trocou seu software de business intelligence pela oferta da multinacional de olho em mais velocidade e processamento de maiores volumes de dados.

“Os relatórios extraídos da solução tinham uma defasagem de um dia sobre as operações", afirma David Wulkan, CEO da Lorene, destacando que a empresa tem uma previsão de aumento de volume de dados no médio prazo e já estava enfrentando dificuldades com as cargas atuais.

De acordo com nota da SAP, com apenas 40 minutos de treinamento e demonstrações, os usuários já estavam capacitados a utilizar a nova solução.

Hoje, 24 profissionais da Lorene têm acesso a informações detalhadas sobre os negócios da companhia por meio do SAP Business One Analytics powered by Hana.

Fundada em 1997, com capital nacional, a Lorene compra e exporta sucata digital, de informática, de telefonia, de eletroeletrônicos, industrial (aço inoxidável e outras ligas) e de catalisadores automotivos.

A empresa tem sede em São Paulo, e filiais nas cidades do Rio de Janeiro, Curitiba, Manaus, Nova Iorque, nos Estados Unidos, Bolívia, Chile,Venezuela, Israel e Japão.