Cleber Prodanov, reitor da Universidade Feevale. Foto: Divulgação.

A Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior (Seres) do Ministério da Educação (MEC) publicou no Diário Oficial da União um parecer favorável ao credenciamento da nova sede da Universidade Feevale em Campo Bom.

“A expansão da Universidade Feevale passa pela implantação do Câmpus III em Campo Bom, que impulsionará o desenvolvimento regional. A importância desse passo se refletirá na utilização da área de 5.000m2 para a construção do Hospital Escola Veterinário, que prevê investimento de cerca de R$ 22,5 milhões”, afirma Roberto Cardoso, presidente da Associação Pró-Ensino Superior em Novo Hamburgo (Aspeur), mantenedora da Feevale.

Em Campo Bom, já está localizada uma unidade do parque tecnológico Feevale Techpark.

Para o reitor da Universidade Feevale, Cleber Prodanov, a expansão da Universidade junto ao Feevale Techpark é dirigida para algumas áreas, especialmente as tecnológicas e as relacionadas à Medicina Veterinária e à Engenharia Biomédica, que vão crescer dentro do novo câmpus.

“Evidentemente que a Medicina Veterinária, em função do cluster da saúde, da extensão e da assistência à área da pesquisa (nas áreas de alimentos, vacinas e componentes para a qualidade de vida animal, entre outras) vai impulsionar as empresas que estão ao redor do Feevale Techpark e do Câmpus III”, destaca.

Os cursos de graduação funcionarão em um prédio doado pelo município de Campo Bom à Universidade em 2016, o Condomínio Empresarial Alberto Santos Dumont. Com área total de 2.342,68m², o edifício foi reformado e ampliado para receber os novos cursos da Instituição.

No início deste ano, também foi doada uma área de 5.000m² junto ao Feevale Techpark, que será utilizada para a construção do Hospital Escola Veterinário. O projeto do hospital prevê salas de atendimento, ala cirúrgica, pavilhões de internação, laboratórios e outras, além de uma área de campo para manejo de grandes animais.

A previsão as obras sejam iniciadas quando o curso de Medicina Veterinária receber o aval do MEC. O total de área construída será de 4.990m².

A Universidade Feevale e o Feevale Techpark assinaram, em 2015, um termo de cooperação envolvendo 44 entidades e o Governo do Estado para o estabelecimento do cluster de tecnologias para a área de saúde no Rio Grande do Sul. 

O acordo, que tem como objetivo impulsionar o desenvolvimento econômico e melhorar os indicadores de saúde da população, prevê parceria entre o órgão e universidades, hospitais, empresas, prefeituras, planos de saúde, associações empresariais e setoriais, instituições de apoio, parques tecnológicos e arranjos produtivos locais. A iniciativa conta com a parceria do Medical Valley, da Alemanha, um dos nove clusters de excelência implementados pelo governo do país.

O Campus III terá salas de aula e um miniauditório, além de serviços diversos, como: centro de informática acadêmica, registro acadêmico, setor de atendimento, laboratórios de informática, sala de professores, apoio audiovisual, núcleo de apoio pedagógico discente e docente, salas de coordenação de cursos, biblioteca e laboratórios específicos.