Alexandre Thomaz.

A Globant, multinacional argentina de desenvolvimento de software, acaba de contratar Alexandre Thomaz, ex-diretor de serviços de consultoria e outsourcing de TI da IBM, para ser o seu diretor executivo no Brasil.

A empresa divulgou o nome em uma nota distribuída para a imprensa sobre a “expansão de suas operações no Brasil”, visando “solidificar sua presença na região”.

Questionada pela reportagem do Baguete sobre o que isso significa na prática, a Globant disse que a estratégia de expansão poderá incluir "futuras aquisições e até mesmo abertura de novos escritórios, bem como contratação de mais pessoal".

A empresa já tinha uma operação em São Paulo, ainda que sua atuação no mercado brasileira fosse até agora discreta.

A presença no Brasil subiu de patamar em agosto, como consequência da aquisição da compatriota GA, com atuação na área de software de gestão empresarial e uma presença mais visível no país.

Até 2015 conhecida como Grupo Assa, a GA é parceira SAP e Oracle e tem atuado em áreas em alta como ciências de dados e nuvem. Ao todo, a empresa tem 1,1 mil profissionais.

A Globant é bem maior, com 12,5 mil funcionários, clientes como Google, Rockwell Automation, Electronic Arts e Santander e um faturamento de US$ 522 milhões em 2018.

"O momento sem precedentes em que vivemos hoje está levando as organizações a repensar a forma como administram suas operações. Um parceiro como a Globant, com expertise em tecnologia e processos digitais, é extremamente importante para desenvolver e escalar os negócios", afirma Thomaz. 

O novo diretor é experiente, com uma passagem de 4 anos pela IBM e outra de quase uma década na HP, onde atuou também na área de outsourcing.

Thomaz também atuou como professor de Sistemas de Informação na Faculdade Cesgranrio e é autor credenciado de artigos sobre transformação digital e governança corporativa.