Banda larga já em 66 mil escolas do país. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Telebrasil divulgou um balanço do atendimento do Programa Banda Larga nas Escolas (PBLE) no país. Atualmente, cerca de 66,5 mil instituições públicas urbanas de ensino fundamental e médio contam com conexão à internet, em alta velocidade e gratuita.

De acordo com o levantamento da entidade, de janeiro a outubro de 2012, as concessionárias de telefonia fixa, responsáveis pela iniciativa, conectaram 7,2 mil novos escolas.

Segundo matéria da Computerworld, Originalmente, o plano do programa era conectar 55 mil instituições de ensino, mas o total foi ampliado para contemplar novos estabelecimentos da rede pública, que passaram a integrar as áreas urbanas dos municípios depois do censo escolar.

Do total de escolas conectadas, 41,4 mil são instituições municipais, 24,3 mil são estaduais e 798 federais.

A maioria das escolas com acesso à internet contam com velocidades acima de 2 Mbps, chegando a até 10 Mbps em alguns casos.

De acordo com o planejamento do PBLE, as escolas públicas urbanas de ensino fundamental e médio devem ter acesso gratuito em banda larga durante 24 horas por dia até 2025.

O PBLE é um projeto assumido pelas prestadoras por ocasião da troca de metas contratuais de universalização dos serviços.

As metas iniciais, que previam a instalação de Postos de Serviços de Telecomunicações (PSTs) – com orelhões e computadores para acesso discado à internet –, foram trocadas pela obrigação de levar infraestrutura de redes em banda larga (backhaul) a todos os municípios brasileiros, o que foi cumprido em dezembro de 2010.