Samir Iásbeck. Foto: divulgação.

A Qranio, startup mineira que desenvolveu um quiz game voltado à educação recebeu uma nova rodada de investimentos, em um total de R$ 600 mil, com a entrada de três novos sócios no negócio.

Com a entrada dos três novos investidores, dois empresários do mercado de capitais e um executivo do setor de telecomunicações, a plataforma que já conta com mais de 900 mil usuários, atingiu o valor de R$ 20 milhões em valor avaliado no mercado, segundo destaca a própria startup.

Criada por Samir Iásbeck, Gian Oliveira e Flávio Augusto, o Qranio já tinha o investidor-anjo Gui Affonso como um dos sócios.

Com o novo round, o Qranio vai ampliar sua equipe de desenvolvimento, que pretende lançar as versões do aplicativo nas plataformas Windows 8, Windows Phone e Firefox OS ainda no primeiro semestre de 2014.

O plano da empresa é lançar novas categorias e features a cada 15 dias ao longo deste ano.

“Até 2017 seremos a principal plataforma mundial de educação e entretenimento”, avalia Samir Iásbeck, CEO e fundador do Qranio.

Lançado no ano passado, o Qranio reúne características de um quiz show educacional, mas também rende prêmios, em que os usuários podem trocar moedas virtuais por prêmios reais. Mais de 4 mil produtos e serviços já foram resgatados pelos usuários.

Em dezembro de 2013, a empresa assinou acordo com a Portugal Telecom no programa BlueStart e com isso, passou a ter um escritório em Lisboa e, pelo país português, deu início às operações no continente europeu.