52% dos usuários utilizam o smartphone nos tempos de espera. Foto: flickr.com/photos/yourdon.

Entre os jovens de 10 a 17 anos, 63% dos usuários de smartphones são mulheres e apenas 37% são homens, conforme pesquisa da Nielsen Ibope. O estudo indica que com o aumento da idade, a participação masculina aumenta. 

Portanto, na faixa entre 18 e 34 anos, a proporção é praticamente meio a meio e aos 35 a 49 anos, o público masculino prevalece. 

A partir dos 50 anos, os homens invertem a situação inicial e atingem 66%. 

O levantamento foi realizado em fevereiro, em parceria com a Mobile Marketing Association (MMA) e coletou informações também sobre as práticas de uso dos aparelhos. 

Na faixa de 10 a 34 anos, o WhatsApp é mais usado do que o Facebook, o que muda a partir dos 35 anos. Porém o uso dos dois aplicativos reduz com o aumento da idade.

Cerca de 52% dos brasileiros utilizam mais seus smartphones em períodos de espera, como no trânsito ou no consultório médico. Antes de dormir foi citado por 48% dos entrevistados e logo ao acordar por 42%. 

De acordo com publicação do Mobile Time, em fevereiro, 73% dos dispositivos tinham o sistema operacional Android, 14% iOS, 8% Windows Phone, 2% Symbian e 1% Blackberry.

Desses entrevistados, 29% disseram ter visto um anúncio de marca ou produto  nos seus telefones nos últimos 30 dias.