Tim quer ampliar número de clientes no RS. Foto: Divulgação.

Voltada ao aumento da sua base de clientes no Rio Grande do Sul e à ampliação da capacidade e da qualidade dos serviços de rede, a Tim aplicará no estado um total de R$ 115 milhões em infraestrutura, através de investimentos diretos e indiretos, em 2014. 

Com relação à tecnologia 3G e 2G, desde o início do ano a operadora já implementou 33 novos sites no RS e outros 56 serão instalados até dezembro. 

Em Porto Alegre, foram colocados 43 novos sites para os serviços 4G em 2014.

Um dos projetos de infraestrutura é Mobile Broad Band (MBB), já implementado em 56 cidades do país, inclusive Porto Alegre. A disponibilidade do sistema na capital gaúcha foi anunciada em fevereiro.

Segundo a empresa, as melhorias na transmissão de dados proporcionam um desempenho diferenciado de navegação para os usuários na banda larga móvel, por meio de sites conectados a fibras ópticas de alta velocidade, evolução da rede acesso e implementação de novas funcionalidades no core da rede. 

Até 2016, estão previstos investimentos de cerca de R$ 1 bilhão no projeto em todo o Brasil, contemplando mais 200 cidades.

Para desenvolver a infraestrutura do MBB, a Tim investiu em melhorias para aumentar sua capacidade transmissiva e conectou seus sites a uma rede de transmissão de alta capacidade. 

A Tim é a segunda maior operadora no market share nacional - atrás da Vivo - e, segundo dados de abril do Teleco, conta com 27% do mercado brasileiro.

No entanto, no Rio Grande do Sul a Tim é a quarta colocada em número de clientes. A Vivo conta com 41% do mercado no estado, seguida pela Claro, que alcança 29,5%, e a Oi, com 16,2%. A Tim conta com 13,4% do market share gaúcho.