Fabio Rodriguez. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Oracle apresentou no Brasil nesta quarta-feira, 11, a sua nova solução para banco de dados, o Oracle Database 12c, apresentando uma nova arquitetura e com recursos otimizados para o trabalho na nuvem.

De acordo com a multinacional, a novidade da nova linha que chega para substituir o Database 11g, é a arquitetura Multitenant. O novo modelo permite que, mesmo em ambientes integrados, seja possível visualizar cada um dos bancos de forma independente para os aplicativos.

Conforme explica Fabio Rodriguez, diretor sênior de Desenvolvimento de Negócios de Banco de Dados na América Latina, a nova organização possibilita que aplicações sejam executadas sem a necessidade de mudanças estruturais no servidor, otimizando consolidações, provisionamentos e atualizações.

"Em testes, notamos um ganho de 500% em capacidade de uso de servidores em relação ao Database 11g. No mesmo hardware onde rodavam 50 bancos de dados, alocamos 250 bancos, com aumento de capacidade de processamento", explicou.

A arquitetura otimizada, segundo explica Rodriguez, torna o 12C o primeiro database da empresa com conexão na nuvem facilitada, que permite a implementação de atualizações e patches diretamente no armazenador conectado aos bancos de dados, sem precisar repetir processos em cada banco.

"“A nova arquitetura Multitenant facilita mais aos clientes a consolidação de seus bancos de dados e administrar vários como um único, com provisionamento simplificado, clonagem e priorização de recursos sem ter a necessidade de mudanças nos aplicativos”, afirma.

Perguntado pela reportagem do Baguete sobre a possibilidade da oferta do novo sistema em conjunto com o hardware Exadata, em moldes semelhantes ao que a SAP anunciou no início do ano, quando entrou no ramo de bancos de dados apoiado no Hana, Rodriguez rebateu rapidamente.

"É uma solução que não é exclusividade de hardware Oracle, mas é claro que aliada a outras soluções da marca, é possível aperfeiçoar ainda mais os recursos. Isso fica a critério do cliente", afirma.

E por falar em clientes, o objetivo da Oracle é ampliar a carteira consideravelmente com a nova solução, atingindo diversos segmentos e portes de empresas.

Conforme destaca a Rodríguez, a solução - que foi lançada no mercado internacional em junho - já conta com mais de 14 mil downloads até o momento.

"Pensamos em companhias menores, de 2 a 5 bancos de dados, até empresas que tenham estruturas com milhares de bancos, em setores como manufatura, governo, serviços, entre outros. Estamos trabalhando com nossas integradoras para adequarmos as ofertas de acordo com as demandas", explica.