CONVÊNIO

ABES: parceria com Parque de Itaipu

12/02/2015 12:00

Parque Tecnológico Itaipu. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Com objetivo de contribuir com polos que fomentam o empreendedorismo e a inovação no setor tecnológico, a ABES (Associação Brasileira das Empresas de Software) acaba de fechar um convênio com o Parque Tecnológico Itaipu (PTI), que abriga a incubadora Santos Dumont. 

Com o convênio, as empresas que usufruírem do apoio dos polos tecnológicos e também se associarem à ABES recebem os benefícios como o serviço ABES Conecta!, uma plataforma de negócios entre as empresas de softwares ligadas à entidade, além de descontos para startups e plano de saúde.

Desde 2013, a ABES tem investido em incubadoras que aceleram o desenvolvimento das startups brasileiras de TI. A parceria com o PTI segue essa linha, pois a entidade acredita que a união e integração com redes de inovação e tecnologia fortaleça o setor. 

Dessa forma, a ABES oferece ao seu parceiro uma rede de suporte com representação nacional. 

“O PTI é um parque forte e representativo que tem muito a agregar como nosso parceiro. Como entidade representativa do setor de software no Brasil, temos procurado fechar cada vez mais parcerias com centros de inovação em tecnologia para, deste modo, apoiar e incentivar o desenvolvimento tecnológico no nosso país”, relata o presidente da entidade, Jorge Sukarie.

A ABES conta com cerca de 1580 empresas associadas ou conveniadas, distribuídas em 21 estados brasileiros, responsáveis por um faturamento anual da ordem de US$ 20 bilhões por ano.

Desde sua fundação, em 1986, a entidade exerce a missão de representação setorial nas áreas legislativa e tributária, na proposição e orientação de políticas voltadas ao fortalecimento da cadeia de valor da Indústria Brasileira de Software e Serviços – IBSS.

O PTI está com plano de avanços também em outras áreas. Em janeiro, o Ministério das Comunicações, a Itaipu Binacional e a Fundação Parque Tecnológico Itaipu-Brasil assinaram um acordo de cooperação para criar um “condomínio de data centers” no parque tecnológico localizado dentro da usina de energia.

Veja também

EMPREENDEDORISMO
Itaipu implanta modelo de incubaceleração

Novo programa Lean Start You Up está sendo implementado com empreendedores da incubadora de Itaipu.

BARRAS
Itaipu: R$ 2 milhões em modernização

Objetivo é substituir o antigo sistema por dispositivos inteligentes digitais, capazes de identificar e minimizar erros no sistema elétrico.

TRANSPORTE
Itaipu monta Renault Twizy

A binacional pretende promover estudos de nacionalização dos componentes do veículo.

PARA INOVAR
Paradigma leva R$ 2 milhões do BNDES

Recurso serve para a empresa concluir a globalização da sua plataforma de SRM.

BINACIONAL
Itaipu: portal de compras com Paradigma

A solução foi feita por meio de um consórcio entre a Paradigma e a paraguaia Excelsis.

ENERGIA
Incentivo para data centers em Itaipu

Acordo de cooperação prevê “condomínio de data centers” no parque tecnológico dentro da usina.