ACADÊMICO

Unicamp suspende atividades por coronavírus

12/03/2020 14:30

A universidade é a primeira brasileira a adotar medida, que vale de 13 a 29 de março.

O MEC “ainda não recomenda suspensão de aulas por conta do coronavírus”. Foto: Pexels.

Tamanho da fonte: -A+A

A Unicamp suspendeu todas as suas atividades, começando na próxima sexta-feira, 13, e se estendendo até 29 de março, por conta do coronavírus.

A medida, primeira entre universidades brasileiras, inclui os campi de Campinas, Piracicaba e Limeira, todos no estado de São Paulo. 

Segundo a universidade, serão mantidas apenas as atividades essenciais e de saúde, que ainda serão definidas e informadas à comunidade pelo comitê de crise criado pela reitoria.

Todas as viagens de docentes e funcionários da instituição também estão suspensas, assim como o recebimento de visitantes.

Na última terça-feira, 10, a Unicamp havia divulgado nota dizendo que preparava um plano para enfrentar a doença e que iria estruturar recomendações e orientações alinhadas com Organização Mundial da Saúde e Ministério da Saúde.

“O objetivo é determinar uma resposta efetiva proporcional ao nível de risco para a comunidade interna, de forma objetiva, mas sem alarmismo”, afirmou a universidade na nota.

O Ministério da Educação (MEC) disse que “ainda não recomenda suspensão de aulas por conta do coronavírus” e que tem orientado o reforço nas ações preventivas contra a pandemia seguindo as diretrizes do Ministério da Saúde.

Veja também

GESTÃO
Gartner: três dicas para lidar com coronavírus

O que os CIOs podem fazer para ajudar as suas empresas, além de lavar as mãos.

PANDEMIA
ASUG transfere conferência para junho

Associação de usuários da SAP decidiu se prevenir contra o coronavírus.

CORONAVÍRUS
Estados Unidos proíbe entrada de europeus

As restrições, que afetam 26 países europeus, fizeram despencar as ações das companhias aéreas.

ESTRELA
Michelle Obama vem para o VTEX Day

Ex-primeira dama será a estrela do evento. Isso é, se o evento realmente acontecer.

BRASIL
Coronavírus chegou. Setor de TI vai fazer algo?

Casos devem ter crescimento exponencial. Ainda não se veem medidas das empresas.

BRASIL
Mastercard fecha escritório em SP por coronavírus

Funcionário, que também esteve em Nova Iorque, foi diagnosticado com a doença.

SAÚDE
Amazon, Facebook e Google têm home office por coronavírus

Depois da Microsoft, medidas continuam concentradas em Seattle, nos Estados Unidos.

TENDÊNCIA
Coronavírus valoriza empresas de TI

Enquanto uns choram, outros vendem lenços. Aumento do home office é oportunidade para o setor.

TRABALHO
Microsoft ordena home office por coronavírus

Medida foi tomada nos escritórios de Seattle e São Francisco, nos Estados Unidos.

INDÚSTRIA
Coronavírus impacta produção de eletrônicos em Manaus

Com falta de insumos vindos da Ásia, empresas têm estoques apenas para 15 dias.