MONEY

Cisco: US$ 6 milhões no Monashees

12/12/2012 18:04

É o segundo aporte da fabricante de equipamentos de telecom em fundos operando no Brasil.

Money, money, moooooooneeeeeeey. Foto: flickr.com/photos/68751915@N05/

Tamanho da fonte: -A+A

A Cisco investiu US$ 6 milhões no fundo de venture capital brasileiro Monashees.

Sediado em São Paulo, o fundo tem foco em empresas de Internet e educação online.

Esse é o segundo aporte da fabricante de equipamentos de telecomunicações em fundos operando no Brasil, depois de ter aplicado US$ 15 milhões na Redpoint e.ventures no lançamento do mesmo, em julho.

Os investimentos fazem parte do plano de investir R$ 1 bilhão ao longo dos próximos quatro anos no Brasil.

A Monashees já investiu em empresas como BooBox, Get Ninjas, Peixe Urbano e Ikwa. Em seu site, o fundo afirma que as rodadas típicas giram entre R$ 250 mil e R$ 5 milhões.

Já o Redpoint E.ventures tem um capital total de US$ 130 milhões formado por recursos dos fundos Redpoint Ventures e do E.ventures.

Na época do lançamento, o fundo foi descrito como o maior já criada para suportar empresas iniciantes na área online no Brasil.

No portifólio de investidas da Redpoint Ventures, estão empresas de internet como Ask.com, MySpace e Tivo. Já a e.ventures investiu no Groupon, Fotolog, Delicious e YuMe, entre outras empresas.

Outras empresas do Vale do Silício a pousar no Brasil são a Insight Venture Partners e a Benchmark Capital.

INTERNET NA FOGUEIRA

Dados da consultoria comScore indicam que o Brasil é o sétimo mercado de internet do mundo, com 46,3 milhões de usuários em 2011, com idade superior a 15 anos.

No último mês de dezembro, os brasileiros gastaram 26,7 horas online.

HORA DE “ESTARTAR”

Segundo a Associação Brasileira de Private Equity & Venture Capital (ABVCAP), a indústria de Private Equity & Venture Capital deve ter um crescimento de 20% no Brasil, em 2012, em relação ao volume de investimentos e número de empresas investidoras.

Depois do volume de captações ter atingido US$ 7 bilhões em 2011, mais do que cinco vezes superior ao montante total captado em 2010, que foi de US$ 1,1 bilhão – segundo dados da Empea (Emerging Markets Private Equity Association) – o Brasil mantém perspectivas muito favoráveis para o ingresso de capital e os investimentos no setor.

Estimativa da ABVCAP é que até junho o setor vai contabilizar de US$ 10 bilhões a US$ 15 bilhões entre recursos movimentados nos últimos 18 meses.

Veja também

TELECOM
P2: R$ 300 milhões na Highline do Brasil

Joint venture formada pelo Pátria Investimentos e Grupo Promon investiu R$ 300 milhões na criação de empresa focada em infraestrutura para telefonia móvel.

MELHOR DA AL
Gaúchos vencem IBM SmartCamp

Startup canoense que criou solução para analisar grandes volumes de dados vence etapa América Latina.

MOVIMENTO REVERSO
Predicta abre no Vale do Silício

Paulista de marketing digital que tem participação minoritária da RBS amplia presença brasileira no polo americano.

COMPRADORA
Grupo RBS lança e.Bricks

Nova empresa incrementa investida do grupo gaúcho no mercado digital, fortalecendo estratégia inciada em 2011.

DO BRASIL PARA O MUNDO
Moovia: rede social profissional diferente

Rede social brasileira apresenta currículos dinâmicos, espaços de trabalho online e avaliações profissionais dos usuários pelos próprios colegas.