A Starbucks começou a operar no Brasil em 2006. Foto: Divulgação.

A Starbucks vendeu toda a operação brasileira para a empresa de investimento em participações SouthRock. A rede conta hoje com 113 lojas em 17 cidades no país.

Com o negócio, a SouthRock passa a ter o direito exclusivo de operar e desenvolver os pontos de venda no país.

O valor da transação não foi divulgado. Uma fonte do Valor afirma que o montante total da transação deve girar entre US$ 80 milhões e US$ 100 milhões.

A partir da venda, o Brasil passa a ter o mesmo modelo operacional de outros países da América Latina e Caribe, onde a Starbucks conta com parceiros licenciados. 

De acordo com o Valor Econômico, a receita da rede de cafeterias no Brasil é de aproximadamente R$ 250 milhões anuais. A Starbucks começou a operar no país em 2006.

“Com a Starbucks, vemos oportunidades para crescimento em mercados existentes, como São Paulo e Rio de Janeiro, assim como novos mercados, como Brasília e a região Sul”, declara Kenneth Pope, fundador da SouthRock, em comunicado.

A SouthRock administra fundos de private equity com pouco mais de US$ 100 milhões em investimentos na área de alimentação e bebidas no Brasil. A empresa foi fundada em 2015.