LÍDER

Dell consolida liderança em PCs

13/09/2016 14:16

Empresa já tem 21% no mercado brasileiro de PCs.

Luis Gonçalves, presidente da Dell Brasil.

Tamanho da fonte: -A+A

A Dell fechou o primeiro semestre com uma participação de 21% no mercado brasileiro de PCs, consolidando a liderança obtida no primeiro trimestre de 2015.

O número é do relatório Brazil PC Tracker 2016Q2, que acaba de ser divulgado pela consultoria IDC. Quando assumiu a ponta, a Dell tinha 15,8% de participação.

De acordo com nota da Dell, a empresa teve um crescimento de 68,5% na participação no segmento nos últimos dois anos, na comparação entre o segundo trimestre de 2014 e 2016.  

A Dell não divulgou os dados de participação dos seus concorrentes, mas é possível supor que a empresa está ampliando a dianteira frente ao seu principal concorrente brasileiro, a Positivo.

No terceiro trimestre de 2014, quando a Positivo fez a última divulgação de dados da IDC, a companhia havia atingindo um market share de 16,6%, um incremento de 1,5 ponto percentual frente ao trimestre anterior que a colocava na liderança do mercado.

Só que muita água passou por debaixo da ponte desde então. A Positivo teve uma queda de 20% na sua receita líquida no ano passado, ficando em R$ 1,84 bilhão.

A empresa também viu o seu EBITDA cair 37%, para R$ 90,1 milhões e entrou no vermelho, saindo de um lucro líquido de R$ 23,3 milhões para um prejuízo de R$ 79,9 milhões.

Foi o segundo ano de resultados ruins da Positivo, que já havia tido queda de receita de 9,2% em 2014 frente a 2013. 

“O segmento de computadores continua a ser um pilar importante da estratégia no país. Isso porque, a venda desses equipamentos é uma importante porta de entrada para a oferta do portfólio completo de soluções de TI da Dell”, explica Luis Gonçalves, presidente da Dell Brasil.

A liderança da Dell é resultado da convergência de fatores de longo e curto prazo. A construção da presença no varejo começou ainda em 2007, quando a empresa fechou um acordo com a rede Wal-Mart, encerrando sua estratégia de vender exclusivamente produtos customizados online.

No começo do ano passado, quando o dólar disparou moeda americana disparou mais de 30%, batendo na casa dos R$ 3,30 a indústria de PCs como um todo se viu em um aperto.

De acordo com fontes ouvidas pelo Baguete, a Dell se saiu melhor que a média por ter feito operações de edge prevendo a alta, conseguindo com isso segurar mais os preços.

Ganhar share é a única maneira de faturar mais no mercado de PCs, que está em processo de derretimento no Brasil ao longo do último ano e meio.

Para 2016, a IDC estima que sejam comercializados 4,6 milhões de computadores, ou seja, 31% a menos do que em 2015. 

Veja também

VENDAS EM QUEDA
Dell foca em ganho de mercado de PCs

No último trimestre do ano passado, a Dell conquistou 14,1% do mercado global.

GO TO MARKET
Dell: blueprints são nova estratégia

A Dell começa a trabalhar no próximo trimestre com uma nova abordagem de mercado na América Latina.

IDC
Mercado de storage cai 37,2% em 2015

O setor fechou o ano com receita de pouco mais de US$ 341 milhões.

NUTANIX
Dell produz appliance de storage no Brasil

A empresa vai iniciar a produção local do appliance hiperconvergente Dell XC com Nutanix. 

SEGURANÇA
Intel faz recall de smartwatches

Os dispositivos podem causar bolhas ou queimaduras.

EQUIPE
Lenovo contrata gerentes de vendas

Edísio Junior assume como gerente sênior de vendas na área de data center.

IDC
Mercado de PCs tem sinal de melhora

As vendas no segundo trimestre superaram em 13% as do primeiro.

FOI
Dell vende área ECM da EMC

Decisão acontece dias depois da Dell concluir a compra da EMC.