Fernando Mitidieri. Foto: Ale Machado.

A Perto acaba de implementar uma solução de gestão de atendimento em 300 agências do Banrisul, sendo 60  em Porto Alegre e o restante no interior do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

Não foi revelado o valor do contrato.

A solução reúne um totem para emissão de senhas com terminal “chamador” para controle do atendimento pelos caixas, servidor central e display para comunicação com os usuários.

Conforme Fernando Mitidieri, gerente geral para Software e Outsourcing da Perto, a tecnologia orienta o cliente para o destino correto dentro do banco, ajudando a reduzir filas.

“O sistema proporciona uma gestão adequada no atendimento e um controle estatístico geral da operação”, explica o executivo. “Com este novo formato, os usuários são acomodados em cadeiras para aguardar o atendimento, de acordo com a senha retirada para a necessidade específica”, completa.

Ele explica que, além de bancos, a solução se aplica a qualquer instituição que conte com guichês de atendimento, como companhias de energia, operadoras de telefonia, cartórios, secretarias públicas, postos do INSS, entre outras.
Mitidieri  ressalta, ainda, que o equipamento permite adaptação para diferentes configurações.

“Em uma mesma plataforma podemos oferecer diversas formatações, possibilitando tanto economia quanto sofisticação”, garante o gerente. “Há também flexibilidade no módulo chamador. Existe uma versão para web, aplicação para Windows e terminal com teclado e display”, destaca ele.

A Perto produz, comercializa, instala e faz o gerenciamento da solução, além de prestar suporte em todo o país.

“Também realizamos a venda apenas do hardware para os casos em que as empresas possuem sistema próprio de gestão de filas”, finaliza Mitidieri.

É o segundo investimento forte do Banrisul em automatização do atendimento em menos de dois meses.

No fim de outubro, o banco se tornou o primeiro cliente da Saque e Pague, empresa lançada pela GetNet para operar sua rede de ATMs multiserviços.

O contrato inicia com 17 máquinas, das quais uma fase inicial terá instalações nos hipermercados BIG Sertório e BIG Sam’s, shoppings Bourbon Country e Bourbon Wallig, Mercado Público e supermercados Nacional da avenida Wenceslau Escobar e Zaffari da rua Fernando Machado, em Porto Alegre, além do posto de combustíveis Energia, de São Leopoldo.

Até o final de 2013, o plano da GetNet é investir cerca de US$ 10 milhões na rede, entregando por todo o Brasil cerca de 1 mil máquinas.