Desktops com Windows 8 andam mal de vendas. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A chegada do Windows 8, em outubro de 2012, não foi capaz de revitalizar o mercado de PCs e notebooks no último trimestre de 2012, marcado pelo sucesso dos tablets e smartphones.

Uma pesquisa divulgada pelo Gartner mostrou que os desktops Windows 8 e notebooks tiveram uma queda de 4,3% no quarto trimestre, caindo para 90,3 milhões de unidades comercializadas.

De acordo com a consultoria, o setor está sofrendo com uma mudança nos hábitos de consumo assim como com uma economia global mais fraca, afirma reportagem da Reuters.

Segundo o analista Mikako Kitagawa, do Gartner, os tablets mudaram o cenário de dispositivos para PCs, por causar uma mudança no consumo de PCs para tablets ao invés da substituição dos antigos PCs.

"Considerando que, uma vez, imaginamos um mundo em que os usuários individuais teriam um PC e um tablet como dispositivos pessoais, cada vez mais suspeitamos que a maioria das pessoas vai mudar sua atividade de consumo para um tablet pessoal e realizará suas atividades em um PC compartilhado", explica.

Mas a Gartner disse que o novo sistema operacional não teve impacto significativo nas vendas do trimestre, em parte, porque os dispositivos Windows 8 carecem da emoção causada pela interface touchscreen encontrada em tablets.