Leo Monte, diretor de inovação da Sinqia. Foto: divulgação.

A Sinqia, especializada em tecnologia para o setor financeiro, anunciou que vai investir mais de R$ 50 milhões em inovação e startups por meio de fundos de Corporate Venture Capital (CVC) nos próximos cinco anos.

Para isso, a companhia lançou o hub de inovação Torq Ventures e fechou parcerias com a Astella Investimentos e a Parallax Ventures.

A companhia estará voltada para dois conjuntos de iniciativas: investimentos indiretos, por meio de gestoras especializadas; e diretos, por meio da aquisição de participações minoritárias nas startups que apresentarem sinergia relevante com o ecossistema da Sinqia.

A partir deste ano, o foco será investir em startups que agregam principalmente tecnologias em prol de open banking, integração, BaaS, inteligência artificial, pagamentos, crédito e risco. 

“Acreditamos no conceito do open innovation, em que nos unimos com outras empresas para acelerar esse processo de evolução, queremos ter acesso às melhores oportunidades para desbravar o futuro do nosso segmento”, afirma Leo Monte, diretor de inovação da Sinqia.

De acordo com a companhia, a escolha dos fundos levou em conta o portfólio atual e a estratégia dos novos fundos em captação — do lado da Parallax, com foco em fintechs, e da  Astella, com expertise em aportes em startups de crescimento exponencial. 

“Com esse movimento, teremos acesso ao pipeline do nosso segmento, estaremos à frente no fluxo de negócios entre Seed e Série A, acessando startups de qualidade no timing correto, potencializando ainda mais a nossa estratégia e também contribuindo como plataforma de distribuição, agregando valor para as investidas”, destaca Monte.

Para a Astella, a proximidade da Sinqia com os fundos de venture capital e participação ativa fortalecem e trazem novas perspectivas para o ecossistema e inovação no Brasil. 

"Estamos muito felizes em poder compartilhar conhecimento, visões de futuro e oportunidades com o time da Sinqia, uma empresa que inova e se renova constantemente através de aquisições e parcerias com scaleups", afirma Laura Costantini, co-fundadora da Astella.

No caso dos investimentos indiretos, para o estágio seed, o programa mantém a parceria com a Darwin Startups, por meio da qual aportou em seis startups no batch 8, com algumas delas já integradas às soluções da empresa. 

Fundada em 1996, a Sinqia tem hoje 100 mil investidores individuais na base acionária, contra os 11 acionistas que fizeram a abertura do capital em 2013. Desde 2005, a empresa já fez 17 aquisições e conta com mais de 400 clientes.

Sua receita líquida em 2019 foi de R$ 175,1 milhões, um aumento de 23,3% em relação ao ano anterior.

Com 12 anos de trajetória e atualmente em seu quarto fundo, a Astella já investiu em mais de 30 empresas, entre elas: RD Station (nova marca da Resultados Digitais), Omie e Sallve.

Já a Parallax Ventures foi fundada em 2018. Especializada em fintechs, conta com nomes como CERC, ASAAS, Monkey, BBNK, Ali Crédito e goLIZA.