Vista de Manaus, capital do Amazonas. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

O governo do Amazonas fechou um contrato de  R$ 5,1 milhões com a CA Technologies para desenvolver um aplicativo que reúna uma série de serviços públicos como matrícula escolar, consulta médica e segurança pública.

De acordo com informações do site Inova, o Amazonas na Palma da Mão deve estar disponível a partir de junho deste ano.

Na primeira versão, estarão disponíveis serviços de educação e trânsito. O contrato fechado com a Prodam, estatal amazonense de processamento de dados, prevê um cronograma de 36 meses para implementação do projeto.

De acordo com Márcio Lira, diretor presidente da Prodam, o governo buscará parcerias com operadoras e fabricantes para evitar consumo do pacotes de dados.

A plataforma da CA já foi testada com o aplicativo Matrículas 2017, para matrículas na rede estadual de ensino. Mais de 120 mil matrículas ou rematrículas foram feitas, sendo 70% via dispositivo móvel, e apenas 30% via desktop. 

A CA tem uma oferta criada para o desenvolvimento desse tipo de projetos, combinando o gerenciamento de APIs, segurança e gestão de identidades.