Ana Paula De Jesus Assis está assumindo um desafio mundial.

Ana Paula De Jesus Assis, gerente geral da IBM para América Latina, está assumindo um novo cargo, relacionado com a criação da NewCo, spin off do negócio de gerenciamento de infraestrutura da gigante de tecnologia.

A revelação é do NeoFeed, que teve acesso a um comunicado interno da IBM sobre o assunto. A IBM confirmou a saída, mas não revelou a nova função.

Não se sabe quem assume a posição de Assis, uma executiva de carreira da IBM que assumiu o comando da América Latina em 2017 

O novo posto de Assis é de grande importância. Ela será a  “Client Transition Leader” (ou líder de transição do cliente), responsável por fazer a transição dos clientes da IBM que passarão a ser atendidos pela nova NewCo, um processo que deve durar até a segunda metade de 2021.

“Estarei aqui para apoiar você e nossos clientes durante o spin-off em todos os aspectos do engajamento de clientes. Pessoalmente, estou honrada e animada com o novo desafio’, escreveu a executiva em mensagem a qual o NeoFeed teve acesso.

Segundo das fontes do Neofeed na IBM, a nova posição terá desafios, por eventuais resistências de funcionários e clientes típicas de processos do tipo. Por outro lado, caso bem sucedida, Assis estaria bem colocada para assumir a presidência da NewCo ou um cargo no alto escalão global da nova empresa.

A nova NewCo trabalhará com desenvolvimento de projetos, ao gerenciamento e à modernização da infraestrutura dos clientes, tendo mais liberdade para trabalhar com outros provedores de nuvem, além da IBM.

A IBM, por sua vez, poderá se concentrar nas áreas determinadas a algum tempo como o futuro da empresa, como computação em nuvem, inteligência artificial e outras.

Hoje, infraestrutura de TI responde por cerca de 25% das vendas da multinacional, que faturou US$ 77,1 bilhões no ano fiscal de 2019. 

O plano da IBM é listar a NewCo na bolsa de valores. A nova empresa nascerá com 4,6 mil clientes em carteira, com presença em 115 países e com uma carteira de pedidos de US$ 60 bilhões.

Hoje, a multinacional conta com 352 mil funcionários e 90 mil deverão migrar para a nova empresa. Os custos operacionais para a divisão dos negócios são estimados em cerca de US$ 5 bilhões. E a NewCo já nasce com uma receita anual de US$ 19 bilhões.