A TIM trabalha Para agregar a frequência de 700Mhz a sua rede. Foto: Divulgação.

A Nokia assinou um novo contrato com a TIM para apoiar a estratégia da operadora de construir uma infraestrutura de rede robusta para lidar com o crescente consumo de dados móveis com 4G.

A TIM, primeira a utilizar as frequências de 2600Mhz e 1800Mhz combinadas, trabalha agora para agregar a frequência de 700Mhz a sua rede, o que permite melhor cobertura de áreas internas e rurais para dispositivos habilitados para 4G.

Para apoiar esse projeto, a TIM selecionou a plataforma de acesso de rádio Nokia AirScale, que roda várias tecnologias de rádio simultaneamente em uma estação rádio base e permite uma escalabilidade praticamente ilimitada que suportará a demanda maciça de dados para IoT e a velocidade em 5G. 

Com a atualização de rede para 4.5G Pro, a operadora será capaz de utilizar diferentes frequências e tecnologias de forma eficaz no mesmo site. 

"Estamos olhando para o mais alto padrão de qualidade de tecnologia hoje no mercado, com a combinação de três frequências de espectro para aumentar a nossa capacidade e melhorar a experiência do usuário final. Com o apoio da plataforma de acesso de rádio Nokia AirScale, poderemos alcançar mais áreas e aumentar a cobertura LTE no país”, afirma Leonardo Capdeville, CTO da TIM Brasil.

Este anúncio segue outra iniciativa, anunciada no final de 2015, na qual a Nokia e a TIM colaboraram para modernizar e expandir as redes 3G e 4G LTE da operadora, com o uso das small cells da Nokia bem como serviços de implementação, otimização e atendimento.