ATIVOS

Bitcoin sacode MicroStrategy

15/06/2022 08:42

Empresa apostou pesado em criptomoedas e agora paga o preço.

Criptomoedas estão perdendo valor rápido. Foto: Pexels.

Tamanho da fonte: -A+A

As ações da MicroStrategy acumulam uma queda de 40% nos últimos dias, com a multinacional de software de BI pagando o preço pela sua aposta alta em criptomoedas dos últimos anos.

A queda das ações da Microstrategy tem correlação direta com o Bitcoin, que acumula queda de 29% no mesmo período e está sendo vendido na casa dos US$ 20 mil atualmente.

A criptomoeda vem caindo nos últimos meses, um processo que foi acelerado depois de que o Celsius Network, uma grande corretora americana, decidiu congelar os saques no final de semana.

Tudo isso são péssimas notícias para a MicroStrategy, que ainda em março tomou um empréstimo de US$ 205 milhões para comprar mais bitcoin.

Para complicar mais a situação, a empresa deu como garantia parte das suas reservas da criptomoeda.

Nesse caso, o banco que fez o empréstimo pode demandar mais dinheiro ou bitcoin da Microstrategy para cobrir a depreciação da garantia, o que no jargão do mundo financeiro se chama de uma “margin call”.

A Microstrategy vem comprando bitcoin há dois anos, por um preço médio de US$ 30,7 mil, tendo hoje reservas de ao redor de US$ 3 bilhões.

O derretimento do criptoativo significa que a Microstrategy já perdeu US$ 1 bilhão com a sua aposta, mais do que o dobro do que a Tesla, cujas perdas ficam ao redor de US$ 400 milhões.

Para ter uma noção do tamanho da aposta da Microstrategy, o faturamento da empresa em 2021 foi de US$ 511 milhões em 2021, no que foi o melhor resultado em cinco anos. A Tesla teve uma receita de US$ 53,8 bilhões.

O valor total na bolsa da Microstrategy fica hoje ao redor de US$ 2 bilhões, menos do que o valor atual das reservas de Bitcoin da empresa (e do que todo o seu negócio tradicional de BI, que a essas alturas parece uma segunda linha de negócio).

Veja também

BOLA FORA?
Ex-jogador é acusado na Operação Criptoshow

Anderson Oliveira, ex-Grêmio e Inter, estaria envolvido em desvios que totalizam R$ 35 milhões.

MOVIMENTOS
Lombardi assume MicroStrategy na América Latina

Executivo argentino controla também a operação no Brasil. 

DADOS
Bmg aposta em BI com MicroStrategy

Com informações instantâneas, o banco quer agilizar o atendimento e prevenir fraudes.

CRIPTO
MicroStrategy joga alto com bitcoin

Empresa de BI acaba de comprar US$ 1 bilhão na moeda digital.

MOEDAS
Mercado Bitcoin capta US$ 200 milhões

Dinheiro é do Softbank. Exchange de criptomoedas brasileira vale US$ 2,1 bilhões.

INVESTIMENTO
TC contrata novo CTO B2B

A contratação veio após a aquisição da startup Abalustre.