Agora este sujeito pode usar internet banda larga. Foto: Prefeitura de Caibaté/RS.

Tamanho da fonte: -A+A

Nesta terça-feira, 14, a Oi anunciou a oferta de serviços de banda larga nos moldes do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL) para 120 novas cidades no país. No Rio Grande do Sul, a companhia passou a cobrir dois novos municípios, totalizando uma cobertura de 160 cidades no território gaúcho.

Colorado, na região central, e Caibaté, região noroeste, são os novos municípios gaúchos contemplados a partir de hoje.

Segundo informações da empresa, até agosto, 1.772 municípios foram beneficiados e até o fim de 2014, todas as localidades-sede dos 4.800 municípios da área de atuação da Oi serão atendidas. Atualmente, 37% dos municípios atendidos pela empresa estão incluídos no PNBL.

O serviço de banda larga nos moldes do programa oferece velocidade de um Mbps ao custo R$ 35 reais por mês. Nos estados em que foi concedida isenção de ICMS para serviços de banda larga, a oferta é feita a R$ 29,90 mensais. Em ambos os casos, o modem é cedido em regime de comodato.

O cliente tem também a opção de escolher um provedor de acesso gratuito, conforme lista de empresas que atuam em parceria com a empresa de banda larga, ou pagar por esse serviço, caso prefira outro provedor.

Nas cidades beneficiadas, o serviço está disponível para novos clientes e também para os já assinantes. Em atendimento ao compromisso assumido com o Governo Federal, o limite de download mensal, inicialmente estabelecido em 500 Mbytes, terá que ser dobrado para um Gigabyte a partir de julho de 2013.

AMPLIAÇÃO DO ACESSO À BANDA LARGA

As ofertas seguem o que estabelece o Termo de Compromisso de adesão ao Plano Nacional de Banda Larga (PNBL), firmado pela Oi junto ao Ministério das Comunicações e à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Por iniciativa do Governo Federal, o PNBL orientará o processo de popularização da internet no Brasil. O foco é a ampliação do acesso à banda larga no Brasil, promovendo a inclusão digital e reduzindo as desigualdades sociais e regionais no país.

A Oi está presente em todo o território nacional, com 72,3 milhões de Unidades Geradoras de Receitas (UGRs). Deste total, 45,2 milhões estavam no segmento Móvel Pessoal, 18 milhões no segmento Residencial,  8,4 milhões no segmento Empresarial/Corporativo e 729 mil Telefones de Utilidade Pública (TUP).