Novo sistema terá dados de segurança no trabalho. Foto: divulgação.

A CPFL unificou as informações de segurança de trabalho e saúde ocupacional de 10 mil funcionários em um novo sistema, desenvolvido pela Resource.

Além de unificar os dados, o software permite acesso rápido aos registros que auxiliam na tomada de decisões estratégicas relacionadas à saúde, segurança e qualidade de vida dos colaboradores.

Foi desenvolvida também uma interface com o eSocial, sistema de envio de dados relacionados com funcionários para o governo.

“Antes do novo sistema, havia muitos processos manuais, dados desatualizados e não tínhamos integração com o nosso sistema de gestão empresarial”, explica Frederico Raperger, gerente de Projetos de TI da CPFL Energia.

O chamado SPAP envolveu 10 mil horas de desenvolvimento e tem mais de 30 interfaces com o sistema de gestão da SAP usado na CPFL.

O desenvolvimento do projeto envolve controles de entregas e recebimento de EPIs, calibração, inspeção de segurança, aferição de equipamentos e treinamentos.

Para a segunda fase, o objetivo é fazer a integração com os programas de saúde e qualidade de vida promovidos pela CPFL Energia, como o Corrida e Caminhada e o Alimentação Saudável.

O tipo de necessidades contempladas pelo SPAP é bastante específico, e provavelmente difícil de resolver usando os produtos de RH “de prateleira” da SAP, de quem a CPFL é um cliente fiel.

No final do ano passsado, o Baguete divulgou que a CPFL estava fazendo um investimento amplo em tecnologia da SAP, incluindo nas áreas de recursos humanos a solução de gerenciamento de equipes FieldGlass e de gestão de talentos SucessFactors.

A Resource é uma das maiores parceiras da SAP no país. O objetivo da empresa  é dobrar o faturamento em três anos, realizar a abertura de capital e atingir cerca de R$ 1 bilhão de receita anual até 2021.

Para isso, a empresa vai ter que voltar a crescer em ritmo acelerado. A Resource não divulgou resultados para 2016, o que, tendo em vista o desempenho geral da economia, provavelmente indica diminuição, ou, na melhor das hipóteses, estabilidade.

Em 2015, a companhia faturou R$ 435 milhões, uma alta de 5% frente aos resultados de 2014.

Com cerca de 3 mil colaboradores e mais de 300 clientes, a companhia possui 18 escritórios, com matriz em São Paulo e filiais em Alphaville, Americana, Campinas, Salvador, Recife, Belo Horizonte, Curitiba, Itajaí e Porto Alegre.